A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

30/09/2014 15:12

Comissão da Verdade vem a MS pela terceira vez para ouvir índios Terena

Liana Feitosa
Comissão apura violações de direitos humanos cometidas contra os povos indígenas do Estado. (Foto: Divulgação)Comissão apura violações de direitos humanos cometidas contra os povos indígenas do Estado. (Foto: Divulgação)

A cidade de Aquidauana, a 135 km de Campo Grande, sediará a 3ª Sessão da Comissão Nacional da Verdade (CNV), no próximo dia 17, que irá ouvir índios Terena, a segunda maior etnia de Mato Grosso do Sul. O evento acontece na Aldeia Bananal, das 7h30 às 17h30.

Veja Mais
PF apreende 60 kg de cocaína e prende traficante de 28 anos na MS-164
Escritor douradense lança na terça livro sobre 40 anos de carreira

Na ocasião, os indígenas irão falar sobre a violência sofrida durante a ocupação de Mato Grosso do Sul por colonos, como assassinatos, expulsão de territórios tradicionais e confinamento em pequenas reservas.

O objetivo é apurar violações de direitos humanos cometidas contra os povos indígenas do Estado no período de 1946 a 1988, ou violações relacionadas à luta pela terra.

A psicanalista Maria Rita Kehl, que também é membro da CNV e já percorreu vários Estados para ouvir indígenas, participa do evento. Os procuradores da República Emerson Kalif Siqueira e Marco Antonio Delfino de Almeida, além de indígenas terena de várias aldeias, também estarão presentes. O professor Neimar Machado, da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), coordena o evento.

A partir da coleta de depoimentos oficiais, feita pela Comissão Nacional da Verdade, futuras ações de indenização coletiva poderão ser subsidiadas em favor das comunidades indígenas ou outras ações compensatórias.

Escritor douradense lança na terça livro sobre 40 anos de carreira
Será lançado na próxima terça-feira (6) em Dourados - cidade localizada a 233 km de Campo Grande - o livro "A Felicidade pela Literatura: Ensaio entr...
Comércio de Ponta Porã funcionará em horário especial neste fim de ano
O comércio de Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande - irá funcionar em horário especial neste fim de ano. Os horários e dias foram ...
MPF entra com ação para garantir pesca e extração à comunidade ribeirinha
Foi ajuizada ação civil pública pelo MPF (Ministério Público Federal) para garantir o direito a pesca de subsistência e extrativismo sustentável da c...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions