A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

17/12/2014 16:30

Contorno ferroviário proporciona tranquilidade e segurança a moradores

Priscilla Peres
Autoridades percorreram um trecho do contorno ferroviário. (Foto: Ricardo Ojeda)Autoridades percorreram um trecho do contorno ferroviário. (Foto: Ricardo Ojeda)
Trilho em cruzamento de ruas está sendo tampado para melhorar o trânsito. (Foto: Pereira Neto/Rádio Caçula)Trilho em cruzamento de ruas está sendo tampado para melhorar o trânsito. (Foto: Pereira Neto/Rádio Caçula)

Os moradores de Três Lagoas - distante 338 km de Campo Grande, vão viver mais tranquilos a partir de hoje, após a inauguração do contorno ferroviário do município. A partir de agora, os trens não passar mais por dentro da cidade, o que trará melhorias para o trânsito, segurança e qualidade de vida de quem mora próximo aos trilhos.

Veja Mais
PF apreende 60 kg de cocaína e prende traficante de 28 anos na MS-164
Escritor douradense lança na terça livro sobre 40 anos de carreira

O governador André Puccinelli (PMDB) inaugurou a obra ao lado do ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos e da vice-governadora e eleita senadora, Simone Tebet. “A obra emblemática não é somente o contorno ferroviário, mas também a urbanização da área de servidão, com a retirada dos trilhos, igual como fizemos em Campo Grande”, disse Puccinelli, sobre a obra realizada em parceria com o governo federal.

Durante o período de obras foram retirados os trilhos da região central, o que gera mais segurança para motoristas e pedestres. Além dos novos trilhos, o trajeto conta com dois viadutos ferroviários (de 20 e 60 metros) e um rodoviário, trazendo benefícios para o trânsito.

O assessor da secretaria de infraestrutura do município, Getulio Neves da Costa, explica que agora os condutores não vão mais precisar ficar até 15 minutos parados, esperando o trem passar. "Serão muitas vantagens para o trânsito, para os pedestres que precisavam atravessar sobre os trilhos e para os moradores que não vão mais conviver com o apito dos trens", afirma.

A prefeita do município Márcia Moura, agradeceu a dedicação de Puccinelli para realizar a obra, e disse que a retirada dos trilhos permitirá a integração total da cidade.“Não vamos mais tratar Três Lagoas como do lado de lá dos trilhos e do lado de cá dos trilhos”, disse ao site Perfil News.

A vice-governadora Simone Tebet, por sua vez, destacou que o governador André Puccinelli possibilitou três grandes sonhos dos três-lagoenses: a solução com relação à água do palmito (cujo poço foi fechado pela Petrobras); o contorno ferroviário e o hospital regional. Agora, a nova linha adutora construída pela Sanesul, cujo novo poço tem vazão de 200 mil litros/hora, abastecerá o consumidor “do outro lado da linha”.

Escritor douradense lança na terça livro sobre 40 anos de carreira
Será lançado na próxima terça-feira (6) em Dourados - cidade localizada a 233 km de Campo Grande - o livro "A Felicidade pela Literatura: Ensaio entr...
Comércio de Ponta Porã funcionará em horário especial neste fim de ano
O comércio de Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande - irá funcionar em horário especial neste fim de ano. Os horários e dias foram ...
MPF entra com ação para garantir pesca e extração à comunidade ribeirinha
Foi ajuizada ação civil pública pelo MPF (Ministério Público Federal) para garantir o direito a pesca de subsistência e extrativismo sustentável da c...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions