A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

28/06/2012 22:36

Diretor escolar morto por aluno em Nova Andradina está sendo velado

Nyelder Rodrigues

Coordenadora do colégio reclama que pediram ajuda no posto policial, mas a viatura estava sem pneu para sair em diligência

Diretor tinha 55 anos e morava em Nova Andradina há quatro meses (Foto: Divulgação)Diretor tinha 55 anos e morava em Nova Andradina há quatro meses (Foto: Divulgação)

O diretor escolar Delmiro Salvione Bonin, assassinado com cinco tiros por um estudante no colégio onde trabalhava, nesta quinta-feira (28), no distrito de Nova Casa Verde, município de Nova Andradina, está sendo velado na Câmara de Vereadores do município.

O crime aconteceu por volta das 16h30, logo após uma prova na escola municipal Luiz Claudio Josué. Um dos disparos teria acertado o coração de Delmiro, que foi socorrido ao hospital Cassems, mas, não resistiu aos ferimentos e morreu.

De acordo com uma colega de trabalho ao site Nova News, ele ainda colocou a mão na frente para se defender e tentou se esconder atrás de algum pilar do colégio, mas foram vários disparos e não houve tempo. A coordenadora da escola conta que solicitaram ajuda no posto policial, mas a viatura estava sem pneu para sair em diligência.

Delmiro, de 55, já teria tido desentendimentos com alunos do local. Ele morava há quatro meses em Nova Andradida, junto com a esposa Geni e três filhos. Nesta sexta-feira (29), as aulas na rede municipal serão suspensas.

Conforme a polícia de Nova Andradina, a pessoa apontada como autora do crime é um adolescente de 16 anos. Policiais Militares e Civis da cidade estão realizando diligências em todo o município a procura dele.

Em entrevista para o site Nova News, uma das professoras da escola considerou o caso como uma tragédia. “Estávamos indo embora. Professores e alunos já estavam no ônibus quando o Delmiro voltou para buscar algo ou dar um recado”.

Outra colega do diretor conta que o aluno passou o dia entrando e saindo da sala de aula. "Parecia estar chamando a atenção para alguém dar um motivo, mas ficamos quietos, ninguém fez nada nem falou com ele durante o dia, não tinha motivos".

Já segundo a coordenadora do local após Delmiro cair no chão, todos correram em direção à ele, que chegou a dizer “ele me acertou”. Ela diz que amanhã seria realizado um churrasco para comemorar as últimas ações feitas na escola.




Viatura policial sem pneu, aluno mata diretor de escola, menor de idade, a pena é leve......tem coisas que não temos palavras p/ expressar nossa revolta!! lamentável!!!
 
daniela dias em 29/06/2012 12:47:27
"...pediram ajuda no posto policial, mas a viatura estava sem pneu para sair em diligência"
Este é o retrato mais fiel da segurança pública no nosso estado. Este fato se repete na maioria das cidades do interior: ou falta combustível, ou pneus, ou peças ou falta é viatura mesmo. Sem contar a crônica falta de policiais e, quando os há, não há vontade de trabalhar, salvo raras e honrosas excessões.
 
Adriano Roberto dos Santos em 29/06/2012 09:45:08
pelo amor de Deus o que será de nós cidadães de bem que lutamos honestamente pelo pão de cada dia e estamos entregue a própria sorte nas mãos desses menores infratores que matam simplesmente porque são de menores e nada temem,pois saem rindo da nassa legislação Brasileira, até quando aguentaremos tanta dor e sofrimento!!!!!!!!!!!!
 
Ana Cléa da silva em 29/06/2012 09:19:32
direitos humanos, conselho tutelar, e agora? tem alguma pena para esse assassino, claro que não, não é mesmo, de menor, de certo ainda não tem passagem, tambem não vai ser preso em flagrante, vai se apresentar com advogado, responder em liberdade, e por ai adiante, é infelismente ainda vai morrer muitos trabalhadores inocentes, e a impunidade continua solta, infim esse é o meu BRASIL..............
 
calixto camargo em 29/06/2012 08:57:01
Com pesar, comento essa reportagem.
Este profissional exemplar, pai de familia e amigo, foi diretor da Escola Ministro Marcos Freire por 18 anos. E reside em Nova Andradina a anos. Estava na direção do colégio da CasaVerde a 4 meses. E os desentendimentos citados na reportagem são consequências de um sistema falido e não de um profissional com experiencia e carisma.Por gentileza, checar fatos.
 
Lucilene Dias Vedekin Lopes em 29/06/2012 01:00:28
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions