A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

26/02/2013 17:09

Dois são presos por sequestrar comerciante e levar para Bodoquena

Nadyenka Castro

Um comerciante de 47 anos foi sequestrado na noite desse domingo no bairro Carandá Bosque, em Campo Grande, foi levado para Bodoquena, distante 266 quilômetros, conseguiu fugir e dois são presos.

Veja Mais
Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul
Pistoleiro morre baleado durante confronto com a polícia do Paraguai

De acordo com a PM, o homem estava em frente ao seu comércio quando, por volta das 3h50min, foi abordado por três pessoas. Ele foi obrigado a entrar no veículo dele, um Celta e foi levado para Bodoquena.

No município, o comerciante foi amarrado em meio a um matagal, no Morro Verde, foi amordaçado e ameaçado de morte. Um dos bandidos ficou vigiando a vítima e os demais foram tentar conseguir dinheiro para voltarem para Miranda.

Conforme a PM, por volta das 9h30min o homem conseguiu se soltar e pediu ajuda em uma residência próxima. Os policiais foram acionados e encontraram a vítima assustada e nervosa.

A PM fez diligências e encontrou o veículo na área central do município. No carro estava um rapaz de 23 anos e um adolescente de 17 anos. Ambos foram reconhecidos pelo comerciante, que precisou de atendimento médico. O terceiro envolvido não foi localizado.

Segundo a PM, o adolescente disse que era o responsável pelo crime. Os dois chegaram a ameaçar novamente a vítima, dizendo que retornariam na sua padaria para “acertar as contas”.

Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul
A Sanesul e a prefeitura de Nova Alvorada do Sul - cidade localizada a 120 km de Campo Grande - terão que criar no município rede coletora e estação ...
Médico nega que tenha abandonado pacientes e diz que foi autorizado a sair
O médico Carlos José da Costa Duran, de 41 anos, nega que tenha abandonado o plantão no hospital e maternidade Idimaque Paes Ferreira, o único em Rio...



Boa noite; Senhor Secretário de Saúde Pública do município de Campo Grande ms. Estou enviando-lhe esta mensagem para ver se acontecem algum resultado positivo, quanto as águas servidas que são lançadas as ruas e as fossas transbordando nas calçadas do bairro Tiradentes e Conjunto Dalva de Oliveira, porque ate agora desde o ano passado 2012 eu ligo no disque saúde nº 3314 5035, ai eles me dão o numero do protocolo que ja anotei varios até nem eu tenho todos; somente o último nº protocolo 500/2013-58 e até agora nada; continua eu e os demais moradores sentindo o forte cheiro de fossas e água sevidas que são lançadas as ruas, sem contar outros danos que causam ou podem causar a toda população que circulam moram ou trabalham nas proximidades; agradeço a vossa atenção e compreensão, aguardo.
 
alcides oliveira da costa em 26/02/2013 23:32:26
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions