A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

05/07/2014 08:15

Em MS, 15 cidades não registraram nenhum assassinato em um ano

Aline dos Santos

O Mapa da Violência mostra que quinze cidades de Mato Grosso do Sul registraram zero homicídio no ano de 2012. Em Vicentina, a 255 km de Campo Grande, foram quatro anos, de 2008 a 2012, sem crime doloso contra a vida.

Veja Mais
Paranhos é a 9ª cidade mais violenta do Brasil; MS tem mais 3 entre as 100
Em 14 anos, Estado cai dez posições no ranking da violência

“Realmente procede. Foram vários anos sem nenhum homicídio doloso. Não tem tantos crimes violentos se comparado a grandes centros”, afirma a delegada Ana Scarpelli de Andrade, que assumiu o comando da Polícia Civil da cidade em abril deste ano.

De acordo com ela, a maioria dos crimes registrados no município é contra o patrimônio. Nesse ano, foi um assassinato. No dia 6 de maio, um homem de 25 anos foi morto a tiros.

Em Pedro Gomes, a 309 km de Campo Grande, 2012 também foi sem homicídios. “É bem pacato mesmo”, afirma o delegado José Roberto de Oliveira Júnior, que ocupa o cargo há três meses.

Segundo ele, em 2013 foram dois homicídios em um único episódio. Neste ano, houve um assassinato. Conforme o delegado, há ocorrências de furto e muitos registros de pertubação do sossego devido ao som alto e ameaça.

Já os casos de violência doméstica reduziram. O delegado conta que adotou estilo linha dura. Com pedido de prisão mesmo se réu primário e fianças com valores altos. No caso de furto, evita aplicar o princípio da insignificância. “Numa cidade pequena, se não for linha dura, acaba virando o caos”, afirma.

As cidades que aparecem com zero homicídio em 2012 são: Batayporã, Brasilândia, Costa Rica, Dois Irmão do Buriti, Bandeirantes, Caracol, Corguinho, Douradina, Figueirão, Glória de Dourados, Jateí, Pedro Gomes, Santa Rita do Pardo, Taquarussu e Vicentina.

De acordo com o levantamento, no ano de 2012 não foi registrado nenhum homicídio em 2.002 dos 5.565 municípios do País, portanto, 36% das localidades.

Top cem – Na contramão, quatro cidades de Mato Grosso do Sul aparecem na lista dos cem municípios mais violentos do Brasil. Paranhos, na fronteira com o Paraguai, é o nono no ranking nacional. A taxa foi 118,4 assassinatos por cem mil habitantes no ano de 2012.

Sete Quedas ocupa a 18ª posição (taxa de 102,3); Coronel Sapucaia, que traz no histórico o título de mais violenta do País, está em 22º lugar, com taxa de 98,2; e Mundo Novo na 89ª posição (taxa de 69,6).

Paranhos é a 9ª cidade mais violenta do Brasil; MS tem mais 3 entre as 100
Paranhos, a 469 km de Campo Grande, é o nono colocado na lista dos cem municípios com as maiores taxas de homicídio no Brasil. Conforme o Mapa da Vio...
Lojas vão estender horário de atendimento durante o mês de dezembro
O comércio de Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande - irá funcionar em horário especial neste fim de ano. Os horários e dias foram ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions