A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

17/07/2012 14:51

Ex-marido confessa duplo assassinato e diz que foi por paixão

Luciana Brazil
Ronaldo Bispo confessa o crime e diz que matou por ciúme. (Foto:Maikon Leal- Coxim Agora)Ronaldo Bispo confessa o crime e diz que matou por ciúme. (Foto:Maikon Leal- Coxim Agora)

O principal suspeito de ter matado o casal, Wagner de Souza Holanda, 27 anos, e Elzeni Pereira da Silva Aguiar, 41 anos, em Coxim, confessou o crime. Ronaldo Bispo da Silva, 41 anos, disse ao delegado que atirou contra a ex-mulher e o namorado dela por ciúme, na madrugada de hoje.

Veja Mais
Casal é assassinado em Coxim e suspeita é de crime passional
Pecuarista é multado em R$ 15 mil por desmatar 14 hectares de fazenda

O suspeito afirmou que foi até a residência da ex-mulher vestido com um capuz e luvas, além do revólver calibre 38. Ao entrar na casa, Ronaldo viu as vítimas deitadas no chão da sala. De acordo com o site Coxim Agora, Ronaldo disse ter ficado com ódio e por isso acabou atirando.

O primeiro disparo foi contra Wagner e em seguida em Elzeni. Os dois morreram na hora.

A polícia, que já desconfiava de Ronaldo, conseguiu a confissão após encontrar na casa do suspeito uma cápsula deflagrada no chão e uma enxada suja de terra. Em um mandiocal, no fundo da residência, os policiais localizaram o revólver que estava enterrado, com três munições deflagradas e duas intactas.

A arma foi enterrada dentro de um saco plástico onde estava também o capuz, as luvas, duas munições de calibre 12 intactas, nove cápsulas deflagrada de calibre 38, uma cápsula deflagrada de 32 e uma cápsula deflagrada de calibre 762, esta última de uso restrito do Exército Brasileiro.

Suspeito pede para sentar na grama com o delegado e confessa o crime. ((Foto:Maikon Leal- Coxim Agora)Suspeito pede para sentar na grama com o delegado e confessa o crime. ((Foto:Maikon Leal- Coxim Agora)
O revólver calibre 38, o capuz e a luva estavam enterrados no terreno no fundo da casa do suspeito.(Foto:Maikon Leal- Coxim Agora)O revólver calibre 38, o capuz e a luva estavam enterrados no terreno no fundo da casa do suspeito.(Foto:Maikon Leal- Coxim Agora)

Ronaldo, que já possuía duas passagens pela polícia, pediu para conversar com o delegado Bruno Henrique Urban e disse que era apaixonado pela ex-mulher. Sentado na grama com o delegado, o suspeito confessou o crime.

Ainda de acordo com informações do site Coxim Agora, Ronaldo é considerado pela polícia como um homem violento. A filha da vítima, de apenas 4 anos foi encontrada na casa de Ronaldo.

Ronaldo foi preso em flagrante e será indiciado por homicídio duplo qualificado, por motivo fútil e por não ter dado chance de defesa as vítimas.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions