A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

21/11/2016 11:24

Fronteira está em guerra e MS continua órfão da União, diz secretário estadual

Em Dourados, José Carlos Barbosa disse hoje que aumento de assassinatos é reflexo da disputa pelo controle do narcotráfico e voltou a reclamar da ausência do governo federal na fronteira

Helio de Freitas, de Dourados
José Carlos Barbosa entregou motos e coletes para a PM, hoje em Dourados (Foto: Helio de Freitas)José Carlos Barbosa entregou motos e coletes para a PM, hoje em Dourados (Foto: Helio de Freitas)

O secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, disse nesta segunda-feira (21), em Dourados, a 233 km de Campo Grande, que a fronteira com o Paraguai está “em ebulição” após a morte do narcotraficante Jorge Rafaat, em junho deste ano.

Veja Mais
Dois homens são presos por suspeita de estupro de adolescentes
Dupla armada invade madeireira e rouba dinheiro do pagamento de funcionários

Segundo ele, a guerra travada por grupos criminosos pelo controle do tráfico tem reflexos nas principais cidades sul-mato-grossenses. “O aumento das mortes é resultado dessa guerra”, afirmou Barbosa, ao entregar coletes e motos para a Polícia Militar da segunda cidade de Mato Grosso do Sul.

Só ontem, três pessoas foram assassinadas em Dourados. Em pelo menos dois casos há suspeita de ligação das vítimas com o narcotráfico e uso de drogas.

União ausente – Em Dourados, o secretário repetiu o discurso do governador Reinaldo Azambuja e afirmou que MS está “órfão da União”, pois o governo federal não assume seu papel na luta contra o crime organizado.

“O Estado sozinho não tem como executar essa tarefa de cuidar da fronteira. Após a morte do Rafaat, vários grupos criminosos disputam o controle do comércio de drogas e isso tem reflexo até mesmo em outros estados, como são Paulo e Rio de Janeiro”, afirmou José Carlos Barbosa.

Curiosamente, na década de 80 o atual secretário de Segurança Pública foi colega de Jorge Rafaat na turma de direito da Unigran.

Caos na segurança – “A segurança pública vive uma grave crise nacional. O caos se instalou principalmente na área de execução penal”, afirmou José Carlos Barbosa.

Segundo ele, apesar da crise, Mato Grosso do Sul é o único estado que atualmente faz investimento em segurança pública com recurso próprio. “A luta dos outros estados é para pagar a folha. Vinte estados estão parcelando salários e quem parcela salário não investe em segurança”.

O secretário defendeu uma mudança no atual modelo de gestão pública e responsabilizou o déficit da previdência estadual pela limitação de investimento para aparelhar as polícias.

“O déficit da previdência em MS deve passar de 1 bilhão de reais em 2017. É por isso que tem policial saindo na rua com colete vencido, empurrando motocicleta estragada, mas o governo do Estado está fazendo todos os esforços para investir o possível em segurança pública”, afirmou.

José Carlos Barbosa, que mora em Dourados, disse que a estrutura da segurança pública encolheu na segunda maior cidade de MS nos governos anteriores. “Antes existiam quatro delegacias, hoje só temos duas. Mas eu e o governador não somos milagreiros, não é possível resolver problemas de anos de uma hora para outra”.

Concurso – O secretário anunciou que ainda neste ano será lançado o edital do concurso público para contratar 50 delegados, 150 escrivães e cem agentes para a Polícia Civil.

Hoje em Dourados, a Sejusp entregou à PM 64 capacetes, 21 motos, 10 escudos e 276 coletes balísticos, que substituem os coletes que estavam vencidos, mas continuam sendo usados pelos policiais.

Dois homens são presos por suspeita de estupro de adolescentes
Dois homens foram presos por estupro de vulnerável em Laguna Carapã, 287 km de Campo Grande. Eles têm 28 e 24 anos e teriam tido relação sexual com a...
Dupla armada invade madeireira e rouba dinheiro do pagamento de funcionários
Dois homens armados invadiram uma madeireira e roubaram R$ 15 mil por volta das 15h30 de ontem (9) no Distrito Industrial de Dourados - distante 233 ...
Homem tem carro roubado por assaltantes armados na MS- 289
Assaltantes armados renderam o condutor de um veículo modelo Vectra e roubaram o carro por volta das 23h desta sexta-feira (9) na MS-289, em Amambai ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions