A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

14/09/2014 07:02

Homem é morto pela polícia depois de tentar sequestrar jovem

Viviane Oliveira
Diego chegou a ser socorrido, mas morreu no Hospital da Vida. (Foto: Sidnei Bronka)Diego chegou a ser socorrido, mas morreu no Hospital da Vida. (Foto: Sidnei Bronka)

O jovem Diego Gabriel Alegre Ribeiro, 21 anos, foi morto pela polícia depois de sequestrar Andressa Jardim Vicentin, 19 anos, no final da tarde de sábado (13), na Rua Gonçalo Nunes Siqueira, Jardim Rasslen, em Dourados, distante 233 quilômetros de Campo Grande. Diego foi baleado porque reagiu as ordens dos policiais. 

Veja Mais
Duas pessoas ficam feridas após veículo capotar em estrada vicinal
Traficante solta algemas e tenta fugir após ser apreendido com 115 kg de maconha

De acordo com boletim de ocorrência, a polícia foi acionada por Jaci Jardim Vicentim, mãe da vítima, para atender crime de sequestro. O registro não específica, mas leva a crer que Andressa é ex-namorada de Diego, por isso o interesse dele na vítima. À Polícia, a mulher contou que estava em casa com o esposo e um filho e Andresa em frente de casa com alguns amigos, quando Diego chegou com uma moto Titan, de cor preta e com uma arma em punho, dizendo: “quem vai morrer primeiro, você seu macaco, se referindo a um dos amigos de Andressa”.

Sob ameaça, Diego obrigou Andressa a entrar na casa, pegar algumas roupas e ir embora com ele. Enquanto isso apontando a arma para as vítimas, o autor ameaçava, também, Jaci com frases: “vou te matar”, além de xingar a mulher.

Ao deixar o local junto com Andressa, a família da vítima acionou a polícia dizendo que o autor possivelmente havia ido para a residência dele na Rua Noka Dauzaker. Os policiais foram até o local e quando Diego avistou os policiais tentou fugir escalando um paredão ao fundos de casa.

O autor, então, correu com a arma em punho, quando a guarnição foi surpreendida pelo autor em um terreno baldio. Sem ter para onde correr, Diego apontou a arma para os militares e acabou baleado. Ele foi socorrido e encaminhado pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) para o Hospital da Vida, mas morreu.

A arma que estava com Diego foi apreendida e encaminhada para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário).




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions