A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

30/07/2015 07:35

Homem que matou mulher e filhos por causa de som alto vai a júri amanhã

Viviane Oliveira
Na época, o rapaz falou com a imprensa e colocou culpa na bebida. (Foto: Arquivo/Dourados News)Na época, o rapaz falou com a imprensa e colocou culpa na bebida. (Foto: Arquivo/Dourados News)

Acusado de matar a esposa, de 19 anos, o filho de 6 meses e o enteado, de 2 anos, com mais de 90 golpes de faca, Marcos Luiz de Azevedo vai a júri amanhã (31), às 13h, no Fórum de Itaporã, distante 227 quilômetros de Campo Grande.

Veja Mais
Isolado, autor de chacina tem comportamento ´normal´ em presídio
Clima é tranquilo em escola que será aplicado Enem para 488 alunos

O crime, que chocou pela brutalidade, aconteceu no dia 20 de janeiro de 2012 na Chácara Bela Vista, onde a família morava e mantinha um aviário. O rapaz confessou o crime e foi indiciado por triplo homicídio qualificado, com a pena prevista, se condenado, de 12 a 30 anos de prisão.

O crime - Marcos usou quatro facas para matar a esposa Fernanda Naiara Azevedo com 45 facadas que atingiram peito, pescoço e barriga. Gabriel, de seis meses, que estava no berço recebeu 23 facadas e o enteado, Gustavo, mais de 22 golpes.

Após ser preso, o rapaz disse que tudo o que fez foi culpa do álcool. Ele confessou que estava ouvindo música com o som muito alto, quando a mulher reclamou. Ele se irritou e foi até a cozinha, pegou uma faca e a atacou.

A faca quebrou, no corpo dela, e ele voltou a cozinha, e pegou outra. As crianças acordaram, com os gritos da mulher, e ele também as atacou. Outras duas facas se quebraram nos corpos das vítimas, ou seja, ao todo Marcos usou quatro facas para a chacina.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions