A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 18 de Janeiro de 2017

06/11/2014 11:00

Hospital que atende pacientes de 33 cidades recebe reforma emergencial

Helio de Freitas, de Dourados
Hospital da Vida é a maior unidade de urgência e emergência da região sul e estava “caindo aos pedaços” (Foto: Divulgação/A. Frota)Hospital da Vida é a maior unidade de urgência e emergência da região sul e estava “caindo aos pedaços” (Foto: Divulgação/A. Frota)

Após anos “caindo aos pedaços”, o maior hospital da região sul do estado com atendimento pelo SUS (Sistema Único de Saúde) começou a receber uma reforma. O Hospital da Vida, localizado em Dourados, a 233 km de Campo Grande, é o único centro de urgência e emergência a atender pacientes da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul e de outros 32 municípios da região.

Veja Mais
Pela 3ª vez, transportador é flagrado levando carne sem nota de MS para o PR
Agricultura familiar é base de projeto social que distribui cestas de alimentos

Com recursos próprios, a prefeitura iniciou uma reforma emergencial no prédio dois meses após assumir o gerenciamento do hospital através da Fundação de Serviços de Saúde de Dourados.

O trabalho inclui pintura dos quartos, reparos nas partes elétrica e hidráulica, substituição de portas e instalação de alguns equipamentos. Também está sendo construída uma nova ala para instalação de dez novos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 11 de semi UTI.

De acordo com a assessoria de comunicação da prefeitura, as mudanças são gradativas devido ao estado precário em que a estrutura se encontrava. A Secretaria Municipal de Saúde assumiu a unidade após vencer o contrato com o Hospital Evangélico, que administrava o Hospital da Vida desde 2009. A cidade ainda aguarda a liberação de verba federal para a reconstrução do prédio. O recurso já está garantido, mas o Ministério da Saúde pediu uma readequação no projeto. Com a contrapartida do estado e do município, serão R$ 3 milhões para a reforma e ampliação.

Recentemente, a Secretaria de Saúde instalou 20 leitos clínicos para tirar os pacientes dos corredores. Outra medida foi ampliar em mais 20 leitos o acordo que a prefeitura possui com o Hospital das Sias (Sociedade Integrada de Assistência Social) de Fátima do Sul, cidade a 40 km de Dourados e para onde são levados os casos mais simples.

Com anuência do Ministério da Saúde e do governo do Estado, a prefeitura tenta articular com municípios da macrorregião de Dourados a instalação de mais leitos em outras cidades para descentralizar o atendimento e desafogar a demanda do Hospital da Vida. Segundo a assessoria, já está em fase de licitação pelo governo do Estado a compra de equipamentos para mais 10 leitos no hospital de Nova Andradina e 10 no hospital de Ponta Porã.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions