A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

15/08/2012 15:57

Ideb aponta ensino municipal de Costa Rica como segundo melhor de MS

Gabriel Neris

Metas projetadas para o ensino municipal eram que em 2019 as escolas apresentassem nota mínima de 5,5, porém meta já foram atingidas

O MEC (Ministério da Educação) avaliou, através do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Brasileira), o ensino fundamental de Costa Rica como o segundo melhor de Mato Grosso do Sul. O município apresentou na avaliação de 2011 uma nota superior a média do estado e média brasileira.

O prefeito de Costa Rica, Jesus Baird, se mostrou orgulhoso com o desempenho dos alunos da rede municipal. “Nosso objetivo é levar aos nossos alunos qualidade de ensino e respeito ao ser humano, por isso valorizo as nossas escolas”, discursou.

A média de Costa Rica no ensino fundamental apresentada pelo Ideb foi de 5,5. Comparando a avaliação da rede municipal de ensino com Campo Grande e Vicentina, que atingiram 5,6, Costa Rica ficou 0,1 atrás.

As metas projetadas para o ensino municipal de Costa Rica eram que em 2019 as escolas apresentassem nota mínima de 5,5, porém a avaliação do MEC apontou que a meta já foi atingida.

O Ideb foi criado, em 2007, com o objetivo de medir a qualidade de cada escola e de cada rede de ensino. A nota é calculada de acordo com o desempenho do estudante em avaliações do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) e em taxas de aprovação. Para que essa nota aumente é preciso que o aluno aprenda, não repita o ano e frequente a sala de aula. O índice é medido a cada dois anos.

Uma das metas desta avaliação do Ideb é fazer com que as escolas alcancem a nota 6 até 2022.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions