A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Janeiro de 2017

15/01/2013 07:14

Índios contratam corrida, roubam táxi e abandonam vítima em matagal

Francisco Júnior

Um taxista teve seu veículo roubado na manhã de ontem (14) por três índios na zona rural de Amambai.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima, Hélio Ramão Martins, de 60 anos, relatou a Polícia que foi contratado pelos assaltantes para fazer uma corrida a Fazenda Tereza, quando no trajeto, os bandidos anunciaram o assalto. Um terceiro homem se juntou a dupla. Ele estava armado com uma faca.

O taxista foi amarrado e abandona em uma mata. Os bandidos fugiram levando o veículo.

A vítima conseguiu se desamarrar e acionou a Polícia. Rondas foram feitas na região, mas os policiais não conseguiram localizar os bandidos.

 

Vizinhos acionam a polícia depois que mulher é agredida por esposo violento
Mulher de 29 anos teve de ser encaminhada a uma unidade de saúde devido as agressões do marido, 37, que a feriu no rosto durante uma discussão esta t...
Jovem é preso em flagrante depois de ter incendiado a casa da mãe
Jovem de 19 anos foi preso depois de ter incendiado a casa da própria mãe, 43, esta tarde (21) no Jardim Brasilândia em Dourados, cidade a 233 quilôm...
Homem é preso ao ser flagrado transportando 191 quilos de maconha
Hellington Sant Ana Mota, de 33 anos foi preso acusado de tráfico de drogas por transportar 191 quilos de maconha no porta-malas de um carro. O flagr...



indios???? dúvidas
 
welington souza em 15/01/2013 22:26:12
É PESSOAL INDIO PODE NÉ? E NEM FICA PRESO.
 
ELYN MONTEIRO em 15/01/2013 10:58:49
Precisamos proteger os silvícolas! Demarcar suas terras...
 
ricardo rodrigues em 15/01/2013 09:38:02
Ainda bem que não mataram o coitado do taxista.
 
jose carlos em 15/01/2013 09:12:38
Índio não tem problema, pode fazer o que quiser que tem toda a segurança do pessoal dos Direitos Humanos, de países europeus e americanos e da própria mídia, salvo raríssimas exceções como essa notícia. Se foram mais de 2, é só tomar a terra de fazendeiros proprietários há décadas, de preferência na beira de estradas e rios e na região de Maracaju, Rio Brilhante, Sidrolândia, etc., aonde encontram-se as terras mais produtivas. 100.000 (CEM MIL) hectares pra cada um está bom. Vejam o recente exemplo da ex-fazenda da Suiá-Missu, na regiao do Araguaia, em Mato Grosso, que foram expropriados (através da Força Nacional, Policia Federal, PRF, PM e Policia Civil), aproximadamente 7.500 pessoas (de mamando a caducando) para assentar 200 (DUZENTOS) INDIOlentes, com tradição no campo da inércia.
 
José Antonio Sassioto em 15/01/2013 09:07:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions