A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

15/04/2015 16:56

Investigado pelo Gaeco é condenado a 21 anos de prisão por tráfico

Filipe Prado

Evandro Nunes dos Santos Reis foi condenado, pelo juiz da 1ª Vara Criminal de Limeira (SP), a 21 anos de reclusão e R$ 65,675 mil em multa pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico. Ele foi preso durante a Operação Pactum Sceleris em janeiro de 2013, deflagrada pelo Gaeco em Itaporã, a 227 quilômetros de Campo Grande.

Veja Mais
Gaeco cumpre mandado de prisão contra investigado em Douradina
Jovem cai em golpe de recarga premiada e deposita R$ 20 mil para estelionatário

Após o fim da operação, em novembro de 2013, o juiz de Itaporã desferiu um pedido de compartilhamento de provas, captadas pelo MPE (Ministério Público Estadual), e encaminhadas para o Juízo de Limeira, onde demostravam que Evandro comandava uma quadrilha presa em flagrante com mais de 97 quilos de cocaína.

Durante as investigações, o Gaeco de São Paulo identificou o comparsa do condenado, Januário Rodrigues dos Santos, e ainda apontou que o caminhão que transportava a droga para São Paulo foi flagrado em um sítio localizado em Dourados (MS).

Ligações telefônicas foram interceptadas, com autorização da justiça, onde Evandro e o comparsa conversavam sobre a apreensão da droga, flagrando o momento em que o condenado pediu para Januário queimar os documentos do caminhão, mas os papeis não foram destruídos, no momento da apreensão.

Evandro foi preso durante a operação em Itaporã, mas foi solto quatro dias depois, por ordem do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosssodo Sul). Em novembro do mesmo ano, o Juízo de Limeira expediu uma ordem de prisão, sendo que ele ofereceu a R$ 10 mil para que o madado não fosse cumprido, sendo detido e denunciado por corrupção ativa. Outros 25 servidores públicos e particulares foram presos durante a operação pelos crimes da lei de licitação, lavagem de dinheiro, peculato.

Januário Rodrigues dos Santos encontra-se foragido desde 31 de janeiro de 2014, restando em aberto o cumprimento do mandado de prisão expedido pelo Juízo de Limeira.

Gaeco cumpre mandado de prisão contra investigado em Douradina
Na manhã desta sexta-feira (31), na cidade de Douradina, o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), com o apoio da Polícia M...
Jovem cai em golpe de recarga premiada e deposita R$ 20 mil para estelionatário
Um jovem de 28 anos caiu no golpe da recarga premiada e depositou R$ 20 mil para estelionatários. Além disso, ele foi instruído a colocar R$ 50 de cr...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions