A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2017

16/01/2013 07:47

Justiça determina prisão de empresário acusado de molestar menina de 11 anos

Francisco Júnior

O Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul, determinou a prisão de um empresário de Naviraí acusado de molestar sexualmente uma menina de 11 anos de idade , filha de seu funcionário.

Segundo site Ta Na Mídia Naviraí, o caso estava sendo investigado sobre segredo de justiça desde setembro do ano passado. O pai da menina que na época do acontecido trabalhava para o empresário já a vários anos, e sua filha convivia frequentemente na casa do acusado, onde ela chegava a ajudar a cuidar da neta do empresário.

No dia 17 de Setembro de 2012, o pai viu uma mensagem obscena no celular da filha e ao retornar a ligação ao número que mandou a mensagem, quem atendeu foi o seu patrão. O pai de imediato denunciou o caso na Delegacia de Atendimento a Mulher (DAM).

A delegada da DAM ouviu a menina que em depoimento contou que desde o final de 2011 até aquela data vinha sendo assediada pelo empresário.
.
A delegada prosseguiu com as investigações e na data do dia 25 de setembro, pediu a prisão do empresário, que foi negada pelo Juiz de Naviraí. O caso então seguiu para a promotoria de Naviraí a qual encaminhou o caso para o Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul, onde foi analisado pelos desembargadores que optaram pela prisão do empresário, sobre o crime de estupro de vulnerável.

Na tarde de ontem, terça-feira (15), Policias do SIG da Delegacia de Polícia Civil de Naviraí comprimiram o mandado de prisão e prenderam o empresário momento em que o mesmo descansava em sua chácara localizada nas proximidades da cidade.

Após ser realizada a prisão, o empresário foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Naviraí, onde posteriormente foi encaminhado para o Presídio local, onde ficará a disposição da Justiça. Se condenado o empresário pode pegar uma pena de 08 a 15 anos de reclusão.

Criança de três anos morre afogado em buraco deixado por empreiteira
Um menino de três anos de idade morreu afogado na tarde de ontem (22) em Dourados, a 233 km de Campo Grande. De acordo com a polícia, Ademir dos Sant...
Presos de Corumbá estão entre os alvos de operação em presídios
O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) está dentro do presídio de Corumbá - a 419 km de Campo Grande. A ação faz parte ...



Dias atras um homem foi pega no motel com uma menina de 11 anos so pagou uma fianção e foi emborra...a justiçao de veria ser igual para todos.
 
luiz carlos em 16/01/2013 08:27:20
juiz fraco e sem personalidade, esse já deveria ter determinado a prisão mas como se trata de um empresario o caso seguiu ao TJ/MS, e se o caso ocorrido fosse ao contrário, o empregado já estaria preso aguardando julgamento não é verdade MM, juiz?
 
edilson pereira da silva em 16/01/2013 08:25:50
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions