A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

16/06/2015 09:38

Justiça manda prefeitura fornecer medicamento a paciente com lúpus

Viviane Oliveira

Os desembargadores da 5ª Câmara Cível, por unanimidade, determinaram que o município de Costa Rica, distante 305 quilômetros de Campo Grande, forneça para uma paciente remédio que trata lúpus.

Veja Mais
Pecuarista é multado em R$ 15 mil por desmatar 14 hectares de fazenda
Com investimento de R$ 650 milhões, cooperativa lança duas unidades em MS

A paciente alega que o medicamento custa em torno de R$ 1,6 mil e não tem condições de comprar, pois faz tratamento no Hospital das Clinicas na USP (Universidade de São Paulo), em Ribeirão Preto e tem altos custos com a viagem. Dessa forma, pede a concessão de liminar para que o município pague seu tratamento fora do domicílio e forneça o medicamento.

O relator do processo, desembargador Júlio Roberto Siqueira Cardoso, determinou que a prefeitura da cidade forneça o medicamento Micofenolato Mofetil, no prazo de 15 dias, sob pena de multa diária de R$ 300 limitada em 30 dias. “Quanto ao custeio do transporte até o local do tratamento, bem como dos custos com estadia, vislumbro que não há nos autos prova conclusiva referente à necessidade do tratamento fora do Estado”, destaca.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions