A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

23/11/2016 16:52

Motorista de carreta preso com maconha é condenado a 11 anos de prisão

Carga foi descoberta pela Polícia Federal no dia 14 de julho deste ano, no município de Deodápolis

Helio de Freitas, de Dourados

Um motorista, preso no dia 14 de julho deste ano transportando 2.194 quilos de maconha no fundo falso da carroceria de uma carreta, foi condenado a 11 anos e oito meses de prisão por tráfico internacional de drogas.

Veja Mais
Caminhão carregado com 2,6 toneladas de agrotóxico é apreendido
Homem é preso transportando de carro roubado em guincho para despistar polícia

A sentença foi estipulada pelo juiz Diogo Ricardo Goes Oliveira, da 2ª Vara Federal em Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande.

D.S.J. foi preso pela Polícia Federal na MS-276, próximo ao distrito de Lagoa Bonita, município de Deodápolis. Ele disse que receberia R$ 80 mil para levar a droga camuflada no fundo falso, sob uma carga de farelo de soja.

Com o auxílio de cão farejador, os policiais federais localizaram a droga escondida no assoalho da carroceria da carreta, que tinha placa de Tietê (SP).

No depoimento em juízo, o motorista confessou ter recebido a proposta de R$ 80 mil para transportar a droga.

Conforme a Justiça Federal, a dinâmica do crime demonstra que o réu detinha alta confiança do contratante. “Tal assertiva se justifica em razão da excessiva carga que lhe foi confiada, a qual representa expressivo investimento financeiro. Nenhuma organização lícita ou ilícita confia operações de elevado investimento e de vultoso retorno financeiro a funcionários inexperientes ou que não gozem de sua confiança”, afirmou o magistrado na sentença.

Segundo o juiz, uma carga tão valiosa, que poderia gerar lucro superior a R$ 1.000.000,00, jamais seria entregue a um transportador principiante.

A sentença explica ainda que se fossem confeccionados “cigarros de maconha” utilizando a carga apreendida em poder do acusado, com 5 gramas cada, seria possível produzir cerca de 438.800 unidades. A sentença determinou a perda em favor da União dos veículos apreendidos em poder do acusado.

Homem é preso transportando de carro roubado em guincho para despistar polícia
Para despistar a polícia, um homem, de 30 anos, contratou um guincho para transportar um veículo Mitsubishi ASX, roubado em Canoas (RS), mas acabou p...
Médico abandona plantão e pacientes ficam sem atendimento em hospital
O médico Carlos José da Costa Duran, 41 anos, foi denunciado à polícia, por desvio de função na manhã deste sábado (03). Ele não compareceu ao plantã...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions