A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Janeiro de 2017

27/01/2015 14:11

MPE denuncia jovem que esfaqueou três e matou ex com 32 facadas

Vania Galceran
A adolescente Alessandra Lopes, de 17 anos, brutalmente assassinada pelo ex-namorado em dezembro passado em Coronel Sapucaia. (Fotos: Divulgação)A adolescente Alessandra Lopes, de 17 anos, brutalmente assassinada pelo ex-namorado em dezembro passado em Coronel Sapucaia. (Fotos: Divulgação)

O Ministério Público Estadual (MPE) denunciou à Justiça na sexta-feira, dia 23 de janeiro, Adan Júnior Silva Camargo, 18 anos, acusado de matar a ex-namorada, uma adolescente de 17 anos, com 32 facadas. O crime aconteceu no dia 27 de dezembro do ano passado, em Coronel Sapucaia, fronteira com o Paraguai.

A denúncia foi oferecida pelo promotor de Justiça, Luiz Eduardo Sant’Anna Pinheiro, titular da 2ª Promotoria da Comarca de Amambai.

O promotor de Justiça Luiz Eduardo Sant’Anna Pinheiro ofereceu denúncia contra Adan Junior Silva Camargo, pelo crime de homicídio qualificado e ainda por três tentativas de homicídio qualificado, contra Fabiano da Silva, Edson Clarindo e Pedrina Félix da Silva, familiares de Fabiano.

De acordo com a investigação policial, no dia 27 de dezembro de 2014, Adan foi até a casa do então namorado de Alessandra, Fabiano Silva, e atacou o rapaz com uma faca. Ele agrediu ainda os pais de Fabiano, que conseguiram escapar e saíram em busca de ajuda. Adan, entrou na casa do jovem, prendeu Alessandra e a matou , com pelo menos 32 golpes de faca.

Segundo o promotor de Justiça, Adan premeditou o crime, por motivo torpe, porque não se conformava com o fim do  relacionamento com a adolescente, segundo suas próprias declarações.

Adan Junior Silva Camargo foi denunciado  pela prática de homicídio consumado por motivo torpe, atentado com utilização de meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima Alessandra, e ainda pela prática de tentativa de homicídio contra as vítimas Fabiano, Edson e Pedrina.

O acusado encontra-se preso preventivamente no Estabelecimento Penal de Amambai a disposição da justiça.

Quadrilha é presa acusada de roubo a joalheria; funcionária é suspeita
Uma quadrilha formada por 10 pessoas foi desarticulada pela Polícia Civil de Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, após investigações de roubo a ...
Detentos são flagrados com celular cheio de vídeos de sexo com criança
Agentes penitenciários encontraram um celular contendo cenas de sexo com uma criança, na cela onde estão presos Luis Felipe Barbosa dos Santos, 19 an...
Dupla rende funcionários de mercado e foge levando carro e dinheiro
Funcionários de um supermercado localizado no centro de Três Lagoas, distante 338 km de Campo Grande, foram rendidos por dois bandidos armados. Viole...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions