A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

04/08/2015 17:17

MPF denuncia oito presos da “Operação Mãos Sujas” por tráfico internacional

De acordo com o Ministério Público Federal, criminosos utilizavam oficina mecânica para gerenciar esquema de drogas compradas no Paraguai e levadas para São Paulo

Helio de Freitas, de Dourados

Oito pessoas investigadas por tráfico internacional de drogas na “Operação Mãos Sujas” em Ponta Porã, a 323 km de Campo Grande, na fronteira com o Paraguai, foram denunciadas pelo MPF (Ministério Público Federal). Conduzida pela Polícia Federal, a operação desencadeada no início do mês passado resultou na apreensão de 40 kg de cocaína e 3 toneladas de maconha em poder dos criminosos.

Veja Mais
Fiems pede que governo mantenha contratos de incentivos fiscais
Reinaldo chega a Dourados para lançamento e entregas de obras

Conforme o MPF, as investigações revelaram que uma oficina mecânica no centro de Ponta Porã era o ponto de encontro dos traficantes e local de carregamento dos veículos utilizados no transporte das drogas. “Os entorpecentes, adquiridos na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, eram destinados a vários compradores, especialmente no estado de São Paulo”, diz o MPF em nota.

Durante a operação foram cumpridos oito mandados de prisão preventiva e três conduções coercitivas. A PF apreendeu objetos, documentos dos traficantes e nove veículos utilizados no esquema. Duas contas bancárias foram bloqueadas com autorização da Justiça.

Segundo o Ministério Público Federal, os oito denunciados pelo MPF devem responder por tráfico internacional de drogas e associação para o tráfico. As penas podem chegar a 25 anos de prisão e serem aumentadas em até dois terços por se tratar de crime internacional. Conforme o MPF, as investigações e a denúncia estão em segredo de justiça.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions