A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

18/06/2012 06:23

Mulher é presa após atear fogo no marido em Ribas do Rio Pardo

Francisco Júnior

Uma mulher de 41 anos foi presa após atear fogo no próprio marido na noite de ontem (17), em Ribas do Rio Pardo, cidade distante 103 quilômetros de Campo Grande.

Veja Mais
Força Nacional vai continuar por mais 30 dias em área onde índio foi morto
Apenas 60% dos inscritos no Enem participam da segunda prova em MS

De acordo com a Polícia, o crime aconteceu por volta das 20h50 na casa do casal, no Conjunto Habitacional São João. Maria Aparecida da Silva foi presa em flagrante por policiais militares do 10º BPM (Batalhão da Polícia Militar).

Em depoimento, ela relatou que tentou matar Florisval Alves da Silva, 50 anos, porque horas antes ele havia a agredido. Ela conta que aproveitou que o marido estava dormindo em uma rede, jogou álcool automotivo e em seguida ateou fogo.

A vítima teve 63% do corpo queimado. Florisval foi socorrido e encaminhado para o hospital da cidade, mas devido gravidades dos ferimentos considerados de segundo grau, teve que ser transferido para a Santa Casa de Campo Grande.

Já Maria Aparecida foi levada para a delegacia do município, onde permanece presa.

Trabalhador morre ao sofrer descarga elétrica durante conserto de bomba d'água
José Antônio Farias, 51, morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto arrumava uma bomba d'água às margens de uma lagoa, no distrito de Lagoa Bo...
Ciclista morre ao ser atingido por vários tiros disparados por dupla em moto
Wellington Ronaldo de Souza, 34, foi morto a tiros ao ser abordado por dois homens que estavam em uma moto. O homicídio aconteceu às 20h30 de domingo...



Nossa o que está acontecendo com as mulheres??? estão deixando de lado a feminilidade, nossa mesmo que o ambiente sejas estressante, humilhante ou violento, acho que deveriam procurar ajuda ou tentar sanar desconforto que ta levando as mulheres a se tornarem uma pessoal irracional. Não, que eu defenda a humilhação ou violência que o cotidiano apresenta. Mulheres procurem ajuda.
 
Dalva santos em 18/06/2012 11:46:39
Pelo amor de Deus, quando o casamento estiver com a data de validade vencida, separem. Está virando moda dar fim em um dos parceiros. Cadê o amor a vida, e onde ficou o que foi vivido um dia pelo par? Se não está bom juntos, há meios de modificar isso sem que seja pelo óbito. Vamos repensar nossos valores e modificar situações que tem como ser modificada, sem agressões. Bom dia!!!
 
Simone Salles em 18/06/2012 11:24:44
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions