A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2017

18/06/2014 14:44

Mulher é presa por vender filhas a R$ 100 para exploradores sexuais

Viviane Oliveira

A partir da apreensão de um adolescente de 16 anos, que segundo as investigações estuprava a irmã de 9, a Polícia descobriu que a mãe do garoto, uma mulher de 33 anos explorava sexualmente as outras duas filhas. O caso ocorreu em Bonito, a 257 quilômetros de Campo Grande. Segundo relatos das crianças ao MPE (Ministério Público Estadual), a mãe cobrava R$ 100 para que os homens abusassem delas. A mulher, que é usuária de droga, está presa desde ontem (17).

Veja Mais
Adolescente de 16 anos é acusado de estuprar três crianças e pode ser solto
Governo do Estado entrega viaturas ao Corpo de Bombeiros nesta sexta

De acordo com a tia dos menores, de 34 anos, a mãe das crianças tem cinco filhos: duas meninas, uma de 7 e outra de 9 anos, e três meninos, de 5, 12 e 16 anos. Depois do escândalo, as garotas estão morando com a tia, dois dos meninos moram no abrigo e o mais velho foi apreendido. Ele, segundo a família, cometeu ao menos três estupros na cidade, dois contra as duas irmãs mais velhas.

Ainda conforme a tia, o caso veio à tona depois que o adolescente foi preso. “As meninas contaram que além de serem violentadas pelo irmão, a mãe as vendia para que homens passassem a mão no corpo delas. Elas sofriam violência sexual tanto em casa, quanto na rua”, relata revoltada a irmã da acusada, que procurou a delegacia e, também, ajuda do Ministério Público da cidade para relatar a situação.

O promotor Luciano Furtado, que acompanha o caso, disse que no Ministério Público Estadual existem dois processos - uma medida de proteção e um processo criminal cautelar - para que a mãe não se aproxime dos filhos. No entanto, a acusada continuou tentando contato com as crianças, além de interferir nos depoimentos. “Ela estava procurando os homens e orientando o que eles tinham que falar para a Polícia”, conta.

Desta forma, o Ministério Público pediu a prisão provisória da mulher, porém o inquérito está em investigação e ainda não foi denunciado pelo órgão. Luciano relata ainda que as crianças confirmaram para a psicóloga do Poder Judiciário que eram abusadas sexualmente e a mãe recebia por isso. A delegacia do município também apura o caso.

Adolescente de 16 anos é acusado de estuprar três crianças e pode ser solto
A Polícia Civil tem até esta terça-feira (6) para concluir o caso de um adolescente de 16 anos, acusado de cometer ao menos três estupros em Bonito, ...
Governo do Estado entrega viaturas ao Corpo de Bombeiros nesta sexta
Serão entregues nesta sexta-feira (20) em Dourados - cidade localizada a 233 km de Campo Grande - duas novas viaturas para reforçar o trabalho do Cor...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions