A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

10/09/2013 22:28

Obras de saneamento elevam os índices tratamento de esgoto de Paranaíba

Vinícius Squinelo

Localizada na região do Bolsão de Mato Grosso do Sul, Paranaíba tem vivido mudanças significativas na área de saneamento básico, o que promove um salto na qualidade de vida da população, além de proteger o meio ambiente. A cidade, que no ano de 2006 possuía 30% de coleta e tratamento de esgoto, chegará ao índice 51%, após a conclusão das obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário.

Veja Mais
Força Nacional vai continuar por mais 30 dias em área onde índio foi morto
Apenas 60% dos inscritos no Enem participam da segunda prova em MS

Com investimentos próprios da Sanesul, no valor de R$ 3,9 milhões, a obra já está 89% concluída e deverá ser finalizada no mês de novembro. Estão sendo realizadas melhorias e ampliação na estação de tratamento de esgoto, que agora terá a capacidade de tratar 70 litros por segundo, execução de 10.015 metros de rede coletora, 511 ligações domiciliares, 8.350 metros de interceptor, uma estação elevatória e 2.730 metros de linha de recalque.

A partir de agora diversas regiões da cidade, que antes sofriam com o mau cheiro, irão viver uma nova realidade. De acordo com o gerente regional Marcos Malheiros, a estação elevatória é responsável por receber todo o esgoto do córrego Cabeceira do Aterro, que corta a avenida Francisco Faustino, onde é realizado o Carnaíba, e dos bairros Jardim América, Jardim Brasília, Jardim Planalto, Redentora I e II, Universitário I e parte do Centro da cidade.

“Hoje a população já pode perceber a diferença, principalmente na travessia do interceptor que atende o presídio de Paranaíba e o bairro Universitário I. Nesses locais é visivelmente notável o quanto a água do córrego Cabeceira do Aterro se transformou de verde escura para totalmente transparente”, relatou o gerente regional.

A dona de casa Jennifer da Silva Dias, moradora do bairro Jardim Brasília há três anos, tem três filhos e conta que a situação da região antes da chegada do esgotamento sanitário era crítica devido ao mau cheiro e o grande número de mosquitos. “Nossa vida melhorou 100%. Na época do calor vinha aquele fedor insuportável. Eu ficava muito preocupada com a situação porque poderia prejudicar a saúde dos meus filhos. A Sanesul está de parabéns pelo trabalho realizado em Paranaíba”.

Trabalhador morre ao sofrer descarga elétrica durante conserto de bomba d'água
José Antônio Farias, 51, morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto arrumava uma bomba d'água às margens de uma lagoa, no distrito de Lagoa Bo...
Ciclista morre ao ser atingido por vários tiros disparados por dupla em moto
Wellington Ronaldo de Souza, 34, foi morto a tiros ao ser abordado por dois homens que estavam em uma moto. O homicídio aconteceu às 20h30 de domingo...



Muito bom!! Porem ficou sem passar em rua antigas e passou esgoto em bairro que nem casa tem...
 
Eliete Silva em 11/09/2013 09:28:31
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions