A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

29/08/2015 20:26

Para evitar confrontos, Força Nacional envia reforço para fazendas invadidas

Thiago de Souza
Clima é tenso na região e índios querem área de 9.700 hectares. (Foto: Marcos Ermínio)Clima é tenso na região e índios querem área de 9.700 hectares. (Foto: Marcos Ermínio)
Homens do DOF e da Força Nacional conversam com índios. (Foto: Divulgação/DOF)Homens do DOF e da Força Nacional conversam com índios. (Foto: Divulgação/DOF)

30 homens da Força Nacional de Segurança vão reforçar o efetivo da tropa que já atua em fazendas da região de Antônio João, a 279 quilômetros de Campo Grande. O clima no local é tenso desde a sexta-feira (21), quando índios da etinia guarani-kaiowá, ocuparam sete fazendas na região, que possui cerca de 10 mil hectares. Em resposta, fazendeiros fecharam estradas na região e retomaram a posse de algumas propriedades.

Veja Mais
Produtores rurais tentam retomar fazenda, índios resistem e um morre
Aty Guaçu denuncia ataques a índios que ocupam sete fazendas

Um avião vindo de Brasília deve pousar em Dourados por volta das 20h30, deste sábado. De lá, os militares devem seguir em viaturas para a região de conflito.

Segundo o secretário de Governo Eduardo Riedel, o reforço no policiamento é um pedido do Governo do Estado junto às bancadas na Câmara e no Senado, e quer evitar um possível confronto armado entre índios e produtores rurais por conta da disputa por terras. 

 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions