A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

08/07/2011 07:29

PF apreende leite vencido na sede regional da Funai em Dourados

Vanda Escalante

Mais de 700 pacotes foram encontrados e amostras serão encaminhados para análise.

Leite em pó vencido foi retirado das cestas básicas a serem distribuídas na reserva indígena. (Foto: Hedio Fazan)Leite em pó vencido foi retirado das cestas básicas a serem distribuídas na reserva indígena. (Foto: Hedio Fazan)

Depois da denúncia de que a Funai (Fundação Nacional do Índio) de Dourados estava distribuindo pacotes de leite em pó com prazo de validade vencido, muitos até roídos por ratos, agentes da Polícia Federal que estão atuando na Operação Tekoha estiveram na sede do órgão e apreenderam mais de 700 pacotes do produto.

Os policiais ouviram depoimento da coordenadora regional da Funai, Maria Aparecida Mendes, e de um funcionário que é encarregado da distribuição das cestas básicas.

O delegado Alexandre Fresneda, que acompanhou a diligência, disse que depois de receber a denúncia, foi com uma equipe até o prédio do órgão e pediu que a coordenadora regional da Funai acompanhasse a fiscalização.

Durante a vistoria, segundo o site Dourados Agora, os agentes constataram que todos os sacos de leite em pó estavam com o prazo de validade vencido. O local foi fotografado e todo produto apreendido.

“Pegamos cinco amostras do leite que serão analisadas pela perícia. Se o laudo constatar que o produto estava impróprio para o consumo, fica então caracterizado o crime contra a saúde pública. A partir de então deverá ser aberto um inquérito para apurar quem são os autores que deverão ser responsabilizados”, explicou o delegado.

O delegado informou ainda que a Polícia Federal encaminhou ofícios à Procuradoria da República e também à direção da Funai em Brasília. “Esses são os órgãos competentes para analisar se houve falha administrativa ou crime de improbidade por parte da coordenação do órgão no município, já que se trata de alimentos possivelmente adquiridos com recursos públicos”, salientou Fresneda.

Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Em oito dias de atendimentos da Carreta da Justiça em Taquarussu - município localizado a 332 km de Campo Grande -, o projeto do TJ-MS (Tribunal de J...
Sidrolândia comemora aniversário com 'balada cristã' e jogos do Operário
Sidrolândia - cidade localizada a 71 km de Campo Grande - completa no domingo (11) 63 anos de emancipação e vai receber várias atrações para comemora...



Essa tal Coordenação da FUNAI de Dourados é um antro de desordem e de corrupção, como deve ser em todo o país.Não é de hoje que só vem noticias ruim de lá. A coordenadora achou que com o vencimento do leite ainda dava pra distribuir o produto à famigerado sofrida familia indigena.Não se importou nenhum pouco com a saude das criancinhas índias e rapidamente mandou embalar e distribuir o leite.Só que algum servidor que não coopta com a desordem abriu a boca.Essa pratica foi comum na época do Hitler que queria dizimar o povo judeu e a chefe da FUNAI talvez queira dizimar a nação indígena.Presidente da FUNAI fosse macho já teria afastado a servidora,mas todos da mesma,não vai dar em nada, "apenas" os nossos indiozinhos correm o risco de adoecerem e ... ! PF, fechem a FUNAI, essa sim deve ser exterminada ! Não presta pra nada!
 
samuel gomes-sidrolandia-ms em 08/07/2011 10:08:24
pois é, o mercadinhos da redendeza não quiseram receber leite vencido, ai deu BO.....
 
jose carlos em 08/07/2011 08:59:16
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions