A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

30/10/2015 21:38

PMA autua fazendeiro por degradação de área de preservação e nascente

Flávio Paes
Pecuarista abriu valetas em nascente sem licenciamento (Foto:Divulgação)Pecuarista abriu valetas em nascente sem licenciamento (Foto:Divulgação)

Policiais Militares Ambientais de Dourados multaram em R$ 5 mil o proprietário de uma fazenda no Distrito Itahum, onde foram construídas valetas em áreas de nascentes (olhos d’água) sem autorização ambiental. A degradação atingia quase 500 metros quadrados.
O serviço foi interrompido e o pecuarista notificado a apresentar plano de recuperação da área degradada (PRADE), junto ao órgão ambiental. Ele também responderá por crime ambiental de destruir área de preservação permanente. A pena para este crime é de um a três anos de detenção.

Veja Mais
Pedestre é atropelado na calçada por veículo que disputava racha
Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto

Em Costa Rica e Paranaíba durante treinamento prático na MS -306 do curso de identificação de madeira na rodovia MS 306 a Polícia Militar Ambiental apreendeu m uma carreta bitrem com carga irregular de madeira serrada. A apreensão ocorreu durante abordagem do veículo com placas de Rondonópolis (MT), que transportava 49,8 m³ de madeira serrada e o itinerário contido na documentação ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal) não constava passagem por Mato Grosso do Sul, o que é ilegal e permite a apreensão e autuação.

Além disso, outra ilegalidade, é que o tipo de madeira descrito na documentação era diferente da que estava na carga. A carreta com a madeira pertencente a uma empresa de Cujubin (RO), de onde saiu com destino a Tietê (SP) foi apreendida com a carga. A empresa infratora de Rondônia foi multada em R$ 14.700,00.

O material apreendido e o veículo foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Costa Rica. Os responsáveis pela empresa responderão por crime ambiental e poderão pegar pena de seis meses a um ano de detenção.

Pedestre é atropelado na calçada por veículo que disputava racha
Homem de 26 anos sofreu fratura no crânio e várias escoriações após ser atropelado quando transitava por volta das 3h30 de hoje (10) por uma calçada ...
Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Em oito dias de atendimentos da Carreta da Justiça em Taquarussu - município localizado a 332 km de Campo Grande -, o projeto do TJ-MS (Tribunal de J...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions