A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

30/10/2013 21:08

PMA multa dois fazendeiros em R$ 25 mil por degradação ambiental

Vinícius Squinelo

Policiais Militares Ambientais de Dourados realizavam fiscalização hoje pela manhã nas propriedades rurais do município e localizaram em duas fazendas, próximas à região de Porto Cambira, a construção de valetas para drenagem de áreas de várzeas sem autorização ambiental.

Veja Mais
Com sítio invadido por índios, família está há nove meses fora de casa
Pistoleiro preso “some” e prefeito de Pedro Juan cobra polícia paraguaia

A primeira propriedade pertencente a um fazendeiro de 59 anos, o proprietário realizava valetas para secar o brejo, atingindo área de nascentes. A degradação atingia área de quatro hectares e ainda existiam diversas árvores incendiadas.

O pecuarista, residente em Fátima do Sul foi autuado administrativamente e multado em R$ 20.000,00.

Próximo dessa propriedade, na mesma região, outro proprietário rural foi autuado e multado em R$ 5.000,00 também por construir valetas para drenagem da área de várzea em sua fazenda, atingindo área de nascentes. Nessa propriedade a degradação atingia um hectare. O fazendeiro, de 55 anos, residente no local, foi multado em R$ 5.000,00.

As atividades foram paralisadas em ambos os locais e os fazendeiros autuados foram notificadas a apresentarem plano de recuperação da área degradada – PRAD, junto ao órgão ambiental. Os responsáveis também responderão por crime ambiental de destruir área de preservação permanente. A pena para este crime é de um a três anos de detenção.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions