A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

01/11/2013 08:38

Polícia abre novo inquérito para investigar denuncias agressão contra criança

Viviane Oliveira
Davison foi indiciado por por homicídio duplamente qualificado, por motivos fúteis e sem oferecer defesa à vítima. (Foto: Osvaldo Duarte)Davison foi indiciado por por homicídio duplamente qualificado, por motivos fúteis e sem oferecer defesa à vítima. (Foto: Osvaldo Duarte)

A Polícia Civil encerrou na quarta-feira (30) o inquérito sobre a morte do menino Braian de Souza Silva, um ano e oito meses, espancado até a morte pelo padrasto Davidson Correia dos Santos, 25 anos, no último dia 21 no Jardim Colibri, em Dourados, a 233 quilômetros de Campo Grande.

Veja Mais
Irritado com choro, padrasto agride bebê de 1 ano e 9 meses até a morte
Segunda fase do Enem acontece amanhã e domingo; 488 pessoas participam em MS

De acordo com o site Dourados News, o delegado do 2º Distrito Policial, Edmar Batistela, abriu outro inquérito para investigar as denuncias anteriores de agressão contra a criança.

Durante depoimento de familiares da vítima, imagens de Braian internado com vários hematomas foram apresentadas ao delegado. O novo inquérito deve ser concluído nos próximos dias. Davison continua preso numa das celas da Phac (Penitenciária de Segurança Máxima Harry Amorim Costa).

Ele foi indiciado por homicídio duplamente qualificado, por motivos fúteis e sem oferecer defesa à vítima.




coloque este asasino na ce3la com bastante presos que eles vão dar o ele mereçe
 
janete maria barão em 01/11/2013 12:25:37
coloque este bandido na cela com varios presos eles vão fazer o que ele mereçe
 
janete maria barão em 01/11/2013 12:23:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions