A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

15/10/2014 19:07

Polícia prende jovem de 19 anos acusado de estuprar menina de 11 anos

Priscilla Peres
Delegado titular de Ladário deve concluir inquérito em dez dias. (Foto: Anderson Gallo/Diário Corumbaense)Delegado titular de Ladário deve concluir inquérito em dez dias. (Foto: Anderson Gallo/Diário Corumbaense)

Um jovem de 19 anos está preso acusado de estuprar uma criança de 11 anos. O caso aconteceu em Ladário - distante 419 km de Campo Grande e a Polícia Civil está investigando dois crimes, o de estupro de vulnerável e subtração de incapaz.

Veja Mais
Ministério da Agricultura cede espaço para armazenamento de produtos rurais
Reestruturação em presídio inclui sala para "videoaudiências"

Segundo informações do site Diário Corumbaense, o pai da criança afirma que quando voltou da igreja não encontrou mais sua filha em casa e vizinhos disseram ter visto a menina pulando uma janela e subindo na garupa de uma moto.
“O pai da criança veio fazer o registro e informou que o rapaz havia pedido a menina em namoro, mas como o pai recusou, ele passou a se encontrar com a menor às escondidas e a convenceu a fugir com ele", conta o delegado titular da Polícia Civil de Ladário, Fernando Araújo da Cruz Júnior.

Após a denúncia, os investigadores localizaram a menina por volta da meia-noite de terça-feira em um sítio, localizado na região do Jacadigo, distante cerca de 30 quilômetros da área urbana de Corumbá.

“Nós conseguimos identificar o local onde a menina estava e encaminhamos o acusado e a família dele, que abrigou a criança no sítio, ao 1º Distrito Policial. A menor fez exame de corpo de delito e ficou constatado que houve relação sexual, além de outros atos libidinosos. A criança está com suspeita de gravidez devido ao atraso menstrual”, completou o delegado.

O crime estupro de vulnerável prevê pena de 8 a 15 anos de prisão em caso de condenação. O delegado Fernando Araújo esclareceu que “ainda que seja de forma consensual, o crime é caracterizado por envolver menor de idade”. O acusado está preso e a Polícia Civil deve concluir o inquérito em dez dias.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions