A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2017

01/07/2011 14:05

Presa quadrilha que assaltava e até alugava armas de fogo em Dourados

Nadyenka Castro

Um dos envolvidos tem 15 anos

Da esquerda à direita, Eder, Gaspar e Mesaque. (Foto: Divulgação)Da esquerda à direita, Eder, Gaspar e Mesaque. (Foto: Divulgação)

Oito jovens, com idades entre 15 e 28 anos, foram presos em Dourados, por diversos roubos no município, que fica a 233 quilômetros de Campo Grande. Além de assaltar, eles também alugavam armas de fogo para colegas praticarem crimes.

A prisão da quadrilha foi feita pela Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira), que continua a investigar o bando.

De acordo com a Defron, a quadrilha é responsável pelo roubo a um supermercado do município ocorrido no dia 18 de junho e também atirou em um funcionário do local, por estar demorando para abrir o caixa.

Três dos assaltantes presos também foram autores do roubo praticado no Supermercado ABV do Jardim Flórida, em Dourados, no dia 27 de junho, de onde subtraíram R$ 4.518,00.

Durante as diligências que culminaram na identificação do bando, foram apreendidas três armas que eram usadas nos assaltos, ou alugadas para outros marginais praticarem roubos, e recuperada parte do dinheiro roubado. Cada revólver era alugado por R$ 150 por cada crime praticado.

Estão presos: Gaspar Henrique Morais Bezerra, o Mano,18 anos, que foi quem atirou no funcionário do supermercado; Mesaque Souza de França, 19 anos, que cumpria pena em regime semiaberto por tentativa de homicídio, e Éder Menami de Freitas, 28 anos, que cumpria pena de 27 anos de prisão por assaltos em supermercados e postos de combustíveis, e tinha sido beneficiado com o regime semiaberto em dezembro de 2010.

Integram também o bando e estão apreendidos os adolescentes quatro adolescentes, sendo dois de 16 anos, um de 17 e um de 15. Contra este último já havia mandado de busca e apreensão.

Os autores maiores de idade tiveram prisões decretadas pelo Juiz da 2ª Vara Criminal, e os adolescentes tiveram as apreensões decretadas pelo Juiz da Vara da Infância e da Juventude.

Aqueles que participaram do roubo onde o funcionário do supermercado foi atingido pelo tiro foram indiciados por tentativa de latrocínio, e os que participaram do assalto ao supermercado do Jardim Flórida foram indiciados por roubo qualificado e corrupção de menor.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions