A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

23/03/2011 15:02

Quase 1 tonelada de maconha é apreendida pelo DOF na MS-164, em Ponta Porã

Paula Vitorino

Três pessoas foram presas pelo tráfico de drogas

Ao todo, quase 911 mil quilos de maconha foram apreendidos e três pessoas foram presas. (Foto: Divulgação)Ao todo, quase 911 mil quilos de maconha foram apreendidos e três pessoas foram presas. (Foto: Divulgação)

Quase 1 tonelada de maconha foi apreendida nesta madrugada por policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira), na MS-164 - região de Ponta Porã. A droga estava dividida em dois veículos e seria levada para Campo Grande.

O flagrante aconteceu quando uma equipe do DOF realizava bloqueio policial na rodovia e abordou uma motocicleta CG Titan, de cor cinza, com placas de Campo Grande. No mesmo momento, ele avistaram um veículo realizando uma manobra brusca e entrando em uma estrada vicinal.

Os policiais iniciaram uma perseguição e conseguiram interceptar o veículo Ford Fiesta, de cor vermelha, ano 2010, com placas da cidade de São José do Ribamar/MA, conduzido por G.L.N., 24 anos, e tendo como passageiro G.H.A.F., 19 anos, ambos residentes em Campo Grande.

Após vistorias no interior do Fiesta, os policiais encontraram 459 tabletes de maconha, que pesaram 661,600 quilos. Além da droga, foram localizadas duas caixas de munições, sendo uma calibre 40 e outra calibre 32, com cinqüenta munições cada uma.

Os autores confessaram o tráfico de drogas e disseram que a motocicleta fazia o papel de “batedor” e que ainda havia um outro veículo carregado com mais droga.

A caminhonete D-20, de cor azul, com placas da cidade de São Luis/MA, havia sido abandonada próximo ao local depois de apresentar problemas mecânicos. No veículo foram encontrados mais 295 tabletes de maconha, que pesaram 249,200 quilos.

Toda a apreensão de maconha totalizou 910,800 mil quilos.

Segundo os autores, a maconha e a munição foi adquirida em Ponta Porã e seria levada para Campo Grande. Os três envolvidos receberam voz de prisão e foram encaminhados juntamente com a droga, munições e os veículos apreendidos à Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã.

Boliviana indiciada após tragédia com voo da Chape pede refúgio em MS
A boliviana Celia Castedo Monasterio, indiciada pelo Ministério Público de seu país por ter autorizado o plano de voo da Chapecoense, com saída em Sa...
Hospital Universitário de Dourados alerta para golpe do falso médico
Falso médico estaria agindo em nome do HU-UFGD (Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados) e nesta segunda-feira entrou em co...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions