A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Janeiro de 2017

03/10/2013 23:32

Representante é proibido de verificar como está a Buriti

Vinícius Squinelo

Dono da fazenda Buriti, em Sidrolândia, Ricardo Bacha denunciou que foi proibido por indígenas, que estão na propriedade, de verificar como estão as benfeitorias do local.

Bacha registrou boletim de ocorrência, informando que na manhã de hoje (3), o representante Marcelo Antonio Elihimas foi proibido pelos índios de entrar na propriedade.

Os indígenas teriam afirmando que Marcelo correria risco de morte se tentasse verificar como estão as benfeitorias da Buriti. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia de Sidrolândia.

Segundo a legislação em vigência, caso a União decida que a fazenda é terra indígena, o proprietário deve ser ressarcido pelas benfeitorias na propriedade, por isso a preocupação de Bacha.

Na região de Sidrolândia, principalmente na região da Aldeia Buriti, já são mais de 20 invasões registradas, sendo que a fazenda Buriti, do ex-deputado Ricardo Bacha, teve sua sede incendiada e completamente destruída pelos indígenas da etnia terena, que mantém ações de invasões em diversos municípios de Mato Grosso do Sul.

Indígena de 21 anos é assassinado com facada no peito em aldeia
Um indígena de 21 anos foi morto no início da noite desta sexta-feira (20) após ser atingido com uma facada no peito, na aldeia Amambai, em Amambai -...
Homem com facão faz três pessoas da mesma família como reféns em casa
Três pessoas foram feitas reféns em uma casa na rua Rio de Janeiro, Centro de Sidrolândia - cidade localizada a 71 km de Campo Grande -, na manhã des...
UEMS recebe a partir de segunda-feira congresso de pesquisadores negros
A UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) de Dourados - cidade localizada a 233 km de Campo Grande - recebe entre segunda-feira (23) e sáb...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions