A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

09/05/2013 21:32

Secretaria de Saúde emite nota para explicar descarte de medicamentos

Nyelder Rodrigues

Após a denúncia feita de que medicamentos dentro da validade foram queimados pela Prefeitura de Bataguassu, cidade localizada a 335 km de Campo Grande, a Secretaria de Saúde do município enviou nota esclarecendo a situação.

Veja Mais
Prefeitura manda queimar medicamentos e produtos hospitalares úteis
Homem é baleado após agredir suspeito envolvido em acidente

De acordo com a secretaria, medicamentos e produtos hospitalares foram encontrados com prazo de validade vencido e mal acondicionados em vistoria nas encubadoras que ficam no Jardim Santa Luzia.

Havia produtos, como seringas, agulhas, máscaras, resina odontológica, abaixadores de língua, equipos, entre outros, com embalagens abertas e jogadas no chão em meio a fezes de ratos e teias de aranhas. Os materiais foram fotografados e lavrados em termo de constatação.

Ainda conforme informado na nota, o descarte foi realizado seguindo orientação da RDC 306/2004 e portaria 802/98 do Ministério da Saúde, de que medicamentos e produtos hospitalares mal acondicionados devem ser descartados, esses e aqueles vencidos, além de produtos apreendidos pela Vigilância Sanitária, que permaneciam guardados em um dos galpões.

Porém, o galpão irá ser o almoxarifado central da Prefeitura, e por isso a Vigilância Sanitária da cidade retirou os produtos que deveriam ser descartados dali e os encaminharam até o lixão, onde foram incinerados os gêneros alimentícios, enquanto o restante foi encaminhado a sede da Vigilância.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions