A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

14/06/2014 12:24

Sem aceitar fim da relação, homem usa máquina de choque para torturar ex-mulher

Aliny Mary Dias

Uma jovem de 22 anos foi vítima de uma sessão de tortura provocada pelo ex-marido revoltado com o fim do relacionamento. O caso ocorreu no fim da noite de ontem (13), no bairro São Luiz em Aparecida do Taboado, distante 481 quilômetros da Capital.

Veja Mais
Preços de itens da ceia de Natal variam até 400%, aponta Procon
Reinaldo ativa monitoramento e assiste a simulação de prisão de assaltantes

De acordo com o registro da ocorrência, Alessandro Aparecido Ricardo, 30 anos, viveu durante 6 anos com a jovem, mas ela decidiu pôr fim ao casamento em razão do uso excessivo de bebidas alcoólicas.

Na noite de ontem, o homem trancou a jovem na casa dela e a agrediu com socos e ainda tentou enforcá-la. O mais grave do caso foi o uso de máquina de choques para ferir a ex-mulher. A jovem disse ainda à polícia que as agressões são constantes, mas em razão do medo, a vítima nunca denunciou.

O caso foi registrado como lesão corporal dolosa na delegacia de polícia da cidade e será apurado pela Polícia Civil.




O duro é que depois que a pessoa denuncia, o cara fica 3 dias preso e é solto, aí vai e acaba agredindo de forma mais violenta ou até mesmo mata a pessoa, tem que deixar preso no minimo 6 meses, pra dar tempo de esfriar a cabeça e tomar uns corretivos na cadeia.
 
maximiliano rodrigo antonio nahas em 16/06/2014 08:42:54
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions