A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2017

28/12/2012 12:40

Sem pagamento do 13º, enfermeiros anunciam paralisação em Maracaju

Aline dos Santos
Paralisação começa em 2 de janeiro. (Foto: Hosana de Lourdes)Paralisação começa em 2 de janeiro. (Foto: Hosana de Lourdes)

Os enfermeiros da ABM (Associação Beneficente de Maracaju) anunciaram greve a partir do dia 2 de janeiro. A paralisação foi decidida em assembleia nesta sexta-feira. O protesto é contra o atraso no pagamento do 13º salário. 

Veja Mais
No fim de mandato, prefeito restringe atendimento em Maracaju
Trabalhador de 61 anos morre eletrocutado em sacada de prédio em construção

"Por diversas vezes já fomos chamados a Maracaju, temos aqui várias ações ingressadas com relação a atrasos de pagamentos, férias que o enfermeiro não recebe os seus direitos. Agora, desde o dia 20 o 13° salário está atrasado, sem previsão de quando será pago," afirmou o presidente estadual do Sindicato dos Enfermeiros, Lázaro Santana, em entrevista ao siteTudo do MS.

A paralisação será de três horas por turno. O presidente da ABM, Ariovaldo Boer, que é o secretario de saúde, disse que a entidade não tem recurso próprio e que depende dos repasses.

"Temos R$ 150 mil de repasse. É pouco, não dá. Praticamente nos últimos meses a comunidade ajudou a manter a entidade. Com relação ao 13°, fui informado que não tem dinheiro. Maracaju recebeu adiantamento do ICMS de R$ 51 mil, que não dá para pagar nem 13° dos funcionários da prefeitura e nem do hospital”, afirmou.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions