A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Janeiro de 2017

14/02/2014 16:14

Sobrevivente era alvo da fúria de homem que matou dois na frente de boate

Edivaldo Bitencourt

O único alvo da fúria de um homem, que queria se vingar de outro que mexeu com a esposa, sobreviveu ao ataque na madrugada de domingo (9) em Bela Vista, a 322 quilômetros da Capital. O segurança e o adolescente de 17 anos, mortos no tiroteio, não eram alvos da “vingança”.

Esta é a conclusão da Polícia Civil de Bela Vista, que já identificou e prendeu o autor dos assassinatos e da tentativa de homicídio. No entanto, o acusado não teve o nome divulgado.

Conforme a polícia, o assassino foi disposto a matar Jonathan Valenzuela, que estava sentado com amigos em frente ao Bar Empório Acustic, no Bairro Costa e Silva, onde acontecia o Baile do Havaí. Ele efetuou os disparos e afirmou que “era para (Jonathan) não aprender a mexer com a mulher dos outros”.

Em seguida, o assassino efetuou disparos em outras pessoas que estavam na frente da boate. Ele baleou o adolescente Paulo Fernandes, 17 anos, que morreu antes de ser encaminhado ao hospital.

O segurança Freddy Hernandes Lopes, 29, também foi ferido no pescoço ao tentar conter a fúria do homem. Ele também morreu no local.

Antes de fugir, o assassino ainda ameaçou as testemunhas.

Além de indiciá-lo por tentativa de homicídio e por dois assassinatos, a Polícia Civil mantém a investigação para descobrir quem deu cobertura na fuga do acusado pelos crimes.

Valenzuela foi transferido para Campo Grande e está internado na Santa Casa.

Adolescente e segurança são mortos na saída de boate em Bela Vista
Um adolescente de 17 anos e o segurança de uma boate foram assassinados, no domingo (9), na saída de um baile em Bela Vista, a 322 quilômetros de Cam...
Homem é preso ao ser flagrado transportando 191 quilos de maconha
Hellington Sant Ana Mota, de 33 anos foi preso acusado de tráfico de drogas por transportar 191 quilos de maconha no porta-malas de um carro. O flagr...
Quadrilha é presa acusada de roubo a joalheria; funcionária é suspeita
Uma quadrilha formada por 10 pessoas foi desarticulada pela Polícia Civil de Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, após investigações de roubo a ...



Primeiro o atirador matou o rapaz de 17 anos (Fernando) que por sinal era muito parecido com Jonatan. Em seguida atirou no segurança Freddy,pois o mesmo tentou segurar seu braço e finalmente encontrou Jonatan o seu real alvo. Agora quem é o atirador? só Deus sabe por enquanto.
 
Fernanda Aguirre em 15/02/2014 09:13:37
Essa história tudo indica que ainda não teve um desfecho,pois segundo comentários que correm na cidade,há envolvimento de pessoas de uma cidade próxima e que fugiram dessa mesma cidade no dia 10/02.
 
Antonio Mesquita em 14/02/2014 18:07:16
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions