A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2017

20/06/2013 07:47

Treze cidades se mobilizam para protestos em todo o Estado

Aliny Mary Dias
Manifestação em Corumbá ocorreu na noite de ontem (19) (Foro: Victor Viegas/Capital do Pantanal)Manifestação em Corumbá ocorreu na noite de ontem (19) (Foro: Victor Viegas/Capital do Pantanal)

Além da manifestação programada para a tarde desta quinta-feira (20) em Campo Grande, moradores de outras 12 cidades do interior se mobilizam para protestar contra o aumento da tarifa do transporte coletivo.

Veja Mais
Há 1 ano, protesto por reajuste de 0,15 reuniu só 60 pessoas na Capital
PM descarta usar tropa de choque e espera manifestação pacífica

Na Capital, 35 mil pessoas já confirmaram a presença na passeata que começa às 18h30 com concentração a partir das 17 horas na Praça do Rádio Clube. Em Dourados, a segunda maior cidade do Estado, já houve manifestações e ocupação da Câmara Municipal na última terça-feira (18).

Um novo protesto está marcado para hoje e já possui a confirmação de 11 mil pessoas no evento criado em uma rede social. A concentração será na Praça Antônio João, no Centro da cidade.

De acordo com as postagens na página do evento, um dos motivos do movimento é um possível aumento da passagem de R$ 2,50 para R$ 3,28. O aumento, no entanto, não foi confirmado pela administração da cidade.

Nova Andradina também teve manifestações na noite de ontem (19). Dois mil moradores se reuniram na Praça Geraldo Mattos Lima e o protesto se concentrou em frente à Prefeitura da cidade.

Na noite de ontem, moradores de Corumbá também se mobilizaram no centro da cidade. O serviço de transporte público foi o principal alvo de críticas dos manifestantes que gritaram palavras de ordem e levaram cartazes para as ruas.

Três Lagoas também teve passeata e manifestantes insatisfeitos com o transporte da cidade. Alunos do campus da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) na cidade organizaram o movimento.

Outras manifestações estão programadas para hoje, amanhã (21) e sábado (22) em Anastácio, Terenos, Coxim, Ponta Porã, Mundo Novo, Naviraí, Chapadão do Sul e Rio Verde.

Policiamento – Em uma reunião realizada ontem (19) no Comando Geral da PM em Campo Grande, o coronel Carlos Alberto Davi afirmou que a tropa de choque não estará presente em nenhuma das cidades.

Os policiais irão acompanhar os protestos e a orientação para os manifestantes é que não haja violência.




Juan, é porque o MS é um estado atrasado. Em tudo.
 
Cyro Chan em 20/06/2013 13:00:49
Aqui em Iguatemi o protesto será dia 25/06 ás 18:00 hrs., começando do claçadão e se concentrando na Camara Municipal, cobrando dos nossos ilustres vereadores honestidade, confiabilidade e compromisso com a população, por melhoria da saúde, segurança, e principalmente contra a corrupção, que no MS, somente o povo tomando o poder, pois a ladroagem é demais e, a justiça não deixa nenhum dos " politicos condenados" na cadeia, só sobra para os pobres, negros e prostitutas. Não aguentamos mais de tanto roubo e , os poderes dando cobertura para esses desmandos. Trabalhamos quase 5 meses ao ano, pagando impostos para sutentar os ladrões.
 
Kamél El kadri em 20/06/2013 08:58:18
Os protestos no MS, esta bem atrasado em relação a outros estados, porque será???
 
Juan Charlymoon em 20/06/2013 08:18:08
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions