A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


06/04/2016 10:55

Músicas e devaneios da política na comunicação de MS

Reinaldo Rosa

A SAÍDA – Fora dos corredores do poder, Coronel David mergulhou nas ondas do rádio por cultivar o expediente de ‘quem não é visto não é lembrado’. Resultado: nesta terça-feira tomou posse como deputado estadual na vaga deixada por Barbosinha – que foi para a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública. Roteiro muito explorado em terras guaicuru.

Veja Mais
Horário engessado limita noticiário de emissora
Crise afeta dízimo e vida de TVs de evangélicos

SEM MAIS – Em Amambai, radialista sofre consequências da escolha profissional que resolveu abraçar, há anos. Respeitando – e emitindo – a pluralidade de opinião da emissora em que trabalha, o locutor é alvo de perseguição por parte de ocupante de plantão no legislativo local.

BAILE DE FANTASIA – ‘Cidade Alerta’, de responsabilidade do deputado-apresentador Maurício Picarelli, é a opera bufa de caricatos coadjuvantes e suas ridículas indumentárias. Inconcebível a ideia de que espectadores sejam classificados por castas e recebam qualquer coisa através de uma retransmissora de televisão. Tem quem goste.

HORA DO PATO – Desde a criação da televisão, na década de 50, existe a figura do coadjuvante que ‘segura’ o programa com o principal apresentador. ‘Louro José’ não tem nada de original; seguidores do esquema não tem o mesmo –e mínimo- bom gosto exigido para a proposta.

SEGUE O JOGO – Jornalismo falado e televisado, em Mato Grosso do Sul, continuam em anestesiada posição; esnobam a análise dos fatos. Sergio Cruz é o destaque se utilizando do rico expediente de quem se propõe a informar – de fato – o público.

CAMUFLAGEM – Apresentador Tatá Marques anunciou, em passeio pela cidade, que se filiou ao partido Solidariedade. Justificou a escolha tecendo loas e boas ao ‘Solidariedade’ original, de Lech Walesa. Claro, realçar a figura do presidente nacional da sigla, Paulinho da Força, seria demais. Carga pesada a carregar.

EM 25 MUNICÍPIOS - Para atender um nicho pouco explorado na região de Três Lagoas, a Cul­tura FM - 106,5, adequou sua grade de programação em busca dos ouvintes das classes B, C e D. Segundo o site da emissora, “os resultados apareceram e fizeram com que desse um grande salto de qualidade e audiência”.

LILÁS – ‘Show Djavan’, promoção de Pedro Silva e Jamelão, acontece dia 16 de abril, sábado, a partir de 22 horas, no Ondara Palace, em Campo Grande. O espetáculo é base de apresentação do novo CD do cantor; o vasto repertório de marcantes sucessos também faz parte do cardápio da noite.

VC NA COLUNA – “Acampamento em frente ao MPF no canteiro tombado da Afonso Pena, tocando a música do Dom e Ravel: ‘Eu te amo meu Brasil’, (dos tempos) da ditadura militar. Que loucura. Meu pensamento voltou aos anos 70. Tremi de medo. Esse é o pessoal que quer Dilma fora. Socorro”. Ângelo Arruda

Horário engessado limita noticiário de emissora
PLANO DE VOO – Segunda-feira, às 4h10, o ‘Plantão da Globo’ anuncia a queda do avião com a delegação do Chapecoense. Um minuto após, volta a exibição...
Crise afeta dízimo e vida de TVs de evangélicos
MILAGRE ECONÔMICO – Com a crise econômica nos últimos anos, os fiéis de igrejas evangélicas sumiram dos templos e murchou a principal fonte de pagame...
Jornalismo local está cada vez mais nas redes sociais
ASSISTINDO AGORA – Uma semana do novo ‘Tribuna Livre’, na Capital FM, com transmissão, também pelo Youtube. A novidade ainda não empolgou a linha de ...
Rádios locais praticamente ignoram produção premiada
FAMOSO QUEM – Almir Sater e Renato Teixeira estão incluídos em pequeno nicho de emissoras de Mato Grosso do Sul que executam suas músicas na programa...



Concordo plenamente que carregar o Paulinho da força (ou seria da forca?) é um peso muito grande. Nem a égua "véia" aguenta. O comunicador que se cuide.
Infelizmente esse sujeito (Paulinho da força) ainda se apresenta como representante de trabalhador.
Os trabalhadores ainda tem muito a avançar.
 
Critico em 07/04/2016 09:29:51
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions