A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 19 de Fevereiro de 2017


  • Ampla Visão
  • Ampla Visão

    com Manoel Afonso


03/06/2011 13:28

Amplavisão

Redação

PENSANDO BEM... Diploma não garante um bom mandato, tanto no Executivo como no Legislativo. A experiência, a intuição e a sensibilidade podem bater a cultura pura e simples. Exemplo: Lúdio como senador e prefeito.

LÚDIO não fazia segredos de sua receita simples de administrar: imitava a dona de casa: gastava só o que tinha. No Senado ouvia muito e procurava se inteirar de assuntos que não dominava. E não fez feio. Lembra?

NA ASSEMBLEIA Zé Teixeira tem esse perfil. De origem rural, traz para a tribuna os frutos de sua vivência. Sua fala é simples, não possui grandes recursos gramaticais, mas com sua convicção passa credibilidade ao eleitor.

NAS QUESTÕES agrárias, por exemplo, são notáveis os embates entre ele e os seus colegas petistas, que o admiram por sinal. Na defesa de suas idéias parece um leão, se impõe, mas sem agredir os outros contendores.

O PARLAMENTO precisa ter essa diversidade para não ficar engessado nas teorias sociais e políticas. Parlamento só de doutores, sociólogos e filósofos não representaria todo o extrato social. Cá entre nós: seria chato demais.

‘PÉROLA-1’ Picharam no muro: “prefeito, onde arrumou os R$300 mil para comprar a casa”. Indignado, ele ofereceu R$10 mil para descobrir o Autor. Nova pichação: “prefeito, onde o senhor arrumou os R$310 mil”?

EMPRESÁRIO Antônio Russo esclarecendo ao colunista de que não está envolvido nas eleições da Acrissul e que as notícias divulgadas visariam apenas criar clima favorável ao candidato Chico Maia.

A PROPÓSITO Quer conhecer o homem, dê-lhe poder! O velho adágio sempre atual. Zelaya, Chaves e Rafael Corrêa (esquerda populista) parecem ter inspirado Chico Maia nas suas manobras que precedem o pleito.

NATURALMENTE que não precisava nada disso. Apesar de simples, o associado da Acrissul é sábio e sabe avaliar qual proposta que mais lhe convém. Isso cheira a ‘golpe branco’ com ingredientes aéticos.

‘PÉROLA-2’ Sócios numa negociata que envolvia ‘milhões’, um deputado indaga ao parceiro: “Quanto será que nos dariam por isso”? O outro arremata: “Num país sério, nos dariam uns 15 anos, no mínimo.”

A NOVELA Tenho acompanhado os capítulos na Al e bastidores. O mesmo script das indicações anteriores ao TCE, onde as bênçãos da Governadoria foram imprescindíveis. E Arroyo tem consciência de seu calibre.

DESGASTES O ‘kit gay’, a fortuna do Palocci, a falta de liderança de Dilma, o entreve iro Temer x Palocci, o atraso das obras da Copa e o Código Florestal na ordem do dia. As explicações petistas não convencem.

PERALÁ! Lula passou 8 anos cobrando do ‘sociólogo’ as tais reformas, mas no poder também nada fez. Agora, anda pedindo a reforma política em benefício próprio. Mas, as reformas fiscal e tributária, não interessam?

O PLANALTO não está nem aí; o ‘glorioso’ Congresso muito menos. Cada qual opera segundo suas conveniências. Os aliados pagos para ficarem quietos e a oposição parece combinada. Que país é esse, Deus meu!

IMAGINO a decepção dos novos deputados federais. Chegam lá animados, às vezes pensando que poderão fazer ‘a diferença’. Mas aí deparam com esse quadro horroroso, do faz de conta, beirando a decepção total.

VEJAM só essa decisão do STF declarando inconstitucionais as leis que incentivam a industrialização de MS”. Tudo por causa da inércia do Planalto que não está ‘nem aí’ para os Estados menos desenvolvidos. Entendeu?

O ALERTA do vice prefeito Edil é precioso: “a repercussão nacional da decisão do STF incentivará outros Estados na tentativa de atrair indústrias em fase de instalação no MS. Portanto, é preciso agir rápido.

FRASES “O Congresso tem muitos homens de bens”-(Robson Tuma); “Naquela época eu era bastante mais pedante do que ainda sou” - (FHC); “Karl Max não disse que comunista deveria ser pobre” (Den Xiaoping)

JANELA ABERTA A recente decisão do TSE viabiliza o PSD ao permitir que os políticos mudem para uma nova sigla, com direito a concorrer nas eleições de 2012. O PSD será a 28ª agremiação partidária.

GELEIA GERAL Quem é quem no Congresso? Todos os partidos com ‘pinta’ de esquerda; cada qual defendendo interesses direcionados ou o Governo. O episódio do PCB no Código Florestal mostrou isso.

FIRME! Vereador Paulo Siuffi insiste: o passado de lutas gloriosas do PMDB é um incentivo para que o partido lance candidato à sucessão de Nelsinho. Enquanto isso ele vai se articulando e ocupando espaços.

MOKA lembra: “A Europa só tem 0,4% de sua vegetação original e nós temos mais de 60%, produzindo alimentos para o mundo. Os críticos do Código Florestal fazem uma interpretação equivocada do seu texto.”

Há uma urna no final do túnel. (Ulysses Guimarães)

Capital: Câmara sem clima para oposição ao prefeito
‘CRIME E CASTIGO’ O livro do russo Fiódor Dostoiévski é o mais lido na prisão que abriga o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB), com benefício a remição ...
Terceira via – força poderosa ou mera coadjuvante?
PAULO SIUFI Articulado, o deputado estadual, do PMDB, dará tempero aos debates. E não perdeu tempo ao abordar com sutileza e precisão o episódio do j...
Decisão do TJ pode inviabilizar cinemas no Estado
‘PATINHAS’ Deputado federal Carlos Marun (PMDB) voltou à mídia ao gastar R$ 1.242,00 da Câmara Federal na sua festejada ida à Curitiba. Ora! Desgaste...
Prefeitos priorizam obras em prejuízo à educação
FARRA DO FIES Na revista Veja (edição 2514) extensa reportagem sobre o caso envolvendo jovens de Campo Grande (MS) beneficiárias do financiamento do ...



Atitudes coerentes, iniciativas e participação, além, é claro da vontade de trabalhar em defesa de interesses da sociedade como um todo, são ingredientes que dão credibilidade a qualquer político; o Deputado Estadual Paulo Duarte PT/MS., tem se notabilizado por suas ações na Assembleia Legislativa, abordando com muita frequencia, temas de alta relevância, como a defesa do meio-ambiente, no tocante a construção de usinas hidroeletricas na região pantaneira, cujos reflexos devem merecer atenção e preocupação por parte de nossa sociedade.
 
benedito rodrigues da costa em 10/06/2011 05:07:49
A grande verdade é que as contas administradas como se fosse sua casa, foi verdadeira, basta ver como ele entregou a prefeitura para seus sucessores e olha que o iptu arrecadava miseros 10 milhões ano, e agora vemos os substituos chorarem com fartura de 200 milhões ano e querem e so faltam implorar por mais dinheiro.POR QUE SER´Á!!!AONDE VAI TANTO DINHEIRO DE IMPOSTOS EA CIDADE ESBURACADA ,SUJA E OBRAS INACABADAS, MAS QUEREM MAIS DINHEIRO!!!
 
paulo bisol em 06/06/2011 08:51:50
É verdade Manoel Afonso. Lúdio e Lula foram exemplos de que vontade, atitude, simplicidade e mais alguns ingredientes, são mais valiosos para uma boa administração que inúmeros diplomas juntos.
 
Paulinho Barbosa em 03/06/2011 05:24:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions