A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2017


  • Ampla Visão
  • Ampla Visão

    com Manoel Afonso


29/11/2010 14:12

Amplavisão 645

Manoel Afonso

NO SAGUÃO da AL, uma pergunta intrigante: “será que a comissão processante da Câmara de Dourados não cometerá nenhuma falha que possa ensejar a nulidade do feito”? Bem, em se tratando de Dourados, tudo é possível.

O DEPUTADO Youssif lembra os casos do Maranhão e Paraíba, onde Roseana e Zé Maranhão, assumiram na condição de segundos colocados nas eleições. Se cassados Artuzi e o vice antes de 2011, Murilo poderia assumir.

NOS BASTIDORES fala-se nesta ação em andamento para resolver de vez essa novela e ainda acomodar politicamente Murilo, que poderia inclusive disputar a reeleição. Uma equação complicada, mas que poderá vingar.

TAMBÉM no saguão da AL fala-se sobre o destino de Delcídio, que poderia ir para o PSB – que cresceu muito nestas eleições - sem o estigma do PT, mas aliado do Planalto e que deve ser prestigiado por Dilma.

O SENADOR sabe: não chegará ao Governo só por conta de sua imagem que arranca suspiros das eleitoras. Precisará ter base parlamentar na AL e municípios que lhe dê sustentação efetiva, sob pena de ficar sem oxigênio.

DELCÍDIO precisa começar jogar o jogo já neste início de 2011. A primeira questão é como ficará dentro do PT, onde Zeca imita a UDN – tentando transformar a derrota em vitória – para ficar no arreio e negociar em 2012.

SINAIS André já avisou que ele e Nelsinho não têm pressa e que contam com vários nomes de partidos diversos para disputar o pleito da capital. É difícil furar o bloqueio de um time entrosado com know-how em eleições.

MESMICE Jornalistas que cobrem as sessões da Assembléia não nutrem esperanças na mudança de tom nos debates à partir de 2011. Exemplo: Teruel será substituído por Tetila. Ambos são prolixos, portanto se equivalem.

JOGO BRUTO Partido de profissionais, o PMDB articula para barrar o projeto de Paulo Duarte prevendo novos critérios na distribuição de cargos nas comissões técnicas onde tem 60% dos integrantes. Quem viver, verá!

PAULO SIUFI agrada com a iniciativa para regularizar as polêmicas festas raves, críticadas na mídia pelo consumo de álcool e drogas. O vereador tem argumentos interessantes e deve emplacar o ousado projeto.

NELSINHO tem sido alvo de elogios pela administração e capacidade de articulação política. Saiu fortalecido deste pleito com as vitórias dos manos Marcos e Fábio, além do primo Mandetta. Onde põe o dedo faz sucesso.

“NEVER” Perguntei ao um amigo se André mudaria o estilo no 2º mandato. A resposta inteligente: “Mudar como? Ele enterrou Zeca, elegeu Moka e deputados e o Ibope diz que ele é o 5º governador melhor avaliado do país”.

SILÊNCIO Não ouvi uma só palavra dos petistas sobre a irregularidade detectada pelo TCU no Governo Zeca (2001-2002) que não repassou R$10 milhões aos 77 municípios, prejudicando assim investimentos deles na área da saúde.

E MAIS... Irregularidades nas operações de crédito tributário da Petrobras e o Governo Zeca também provocaram abertura de investigações do MPF sobre o uso de dinheiro público naquela rica campanha da reeleição de Zeca.

PORTANTO, o discurso de Zeca exauriu neste contexto e para piorar a situação o PT continuará rachado entre os grupos do ex-governador e de Delcídio. O eleitorado do MS mostrou-se conservador, avesso ao proselitismo petista.

LUIZ AKIRA Lúcido, vai reestruturar o DEM para 2012. Acha que o PV poderá ser a novidade em Três Lagoas devido as indústrias ligadas ao reflorestamento, atraindo assim os eleitores mais jovens e melhor aculturados.

A OBSERVAÇÃO é valida, pois o PT desiludiu os jovens, deixou de ser a novidade agradável e envelheceu com a sua corrupção. A juventude exigente, impaciente e intransigente, não engoliu a versão petista do Mensalão.

REPERCUTE a fundação de ONG em Chapadão do Sul para investigar os gastos da sua Câmara. O Ministério Público vai entrar no caso. A população está indignada com a mudança de hábitos dos seus “bravos vereadores”.

DO LEITOR: Em 2009, a Câmara de Chapadão do Sul devolveu R$ 1.307.145,00 ao prefeito, mas em 2010 devolveu só R$ 7 mil, embora recebesse a média mensal do repasse de R$240 mil. Como explicar a mágica de se gastar mais?

A CÂMARA tem prédio próprio, 12 funcionários efetivos e 5 estagiários. Os 9 edis recebem R$4 mil de salário, R$4.500 de verba indenizatória, diárias de R$450,00 e R$ 900,00 fora do Estado, além de outras mordomias.

NA MORTE de Rui Pimentel, a insensibilidade dos políticos. Dos parlamentares (deputados e vereadores) apenas 9 compareceram ao sepultamento. Esqueceram do espaço generoso e valioso concedido pelo comunicador?

A CIDADE é grande, fria, os compromissos múltiplos; mas nem sempre a ausência convence. O rádio da capital seguirá sem o Rui, mas seu desempenho, com estilo incomparável ficará marcado. “Morre o homem, ficam as pegadas”

As facadas doídas dos cartórios no MS
CARTÓRIOS Herança de Portugal da qual não conseguimos nos livrar. O brasileiro é refém deste sistema que engorda o bolso dos serventuários e o cofre ...
Capital: Câmara sem clima para oposição ao prefeito
‘CRIME E CASTIGO’ O livro do russo Fiódor Dostoiévski é o mais lido na prisão que abriga o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB), com benefício a remição ...
Terceira via – força poderosa ou mera coadjuvante?
PAULO SIUFI Articulado, o deputado estadual, do PMDB, dará tempero aos debates. E não perdeu tempo ao abordar com sutileza e precisão o episódio do j...
Decisão do TJ pode inviabilizar cinemas no Estado
‘PATINHAS’ Deputado federal Carlos Marun (PMDB) voltou à mídia ao gastar R$ 1.242,00 da Câmara Federal na sua festejada ida à Curitiba. Ora! Desgaste...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions