A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 28 de Setembro de 2016

26/01/2016 10:05

Banco do Brasil libera R$ 3,8 mi para antecipação do 13º salário de clientes

Renata Volpe Haddad

O Banco do Brasil liberou, em janeiro, R$ 3,8 milhões em recursos para antecipação do 13º salário para clientes de Mato Grosso do Sul. Com vários impostos no início do ano, é possível antecipar até 80% do valor do salário extra, que será recebido ao longo do ano. 

Veja Mais
Após perda com chuva, piscicultores pedem criação de seguro a Banco do Brasil
Banco do Brasil vai liberar R$ 3,1 bilhões para setor automotivo

No ano passado, R$ 50,3 milhões do 13º foram antecipados para clientes do Estado. O desembolso total para contratações do crédito, foi 16% superior em relação a 2014. Em dezembro, mais de 100 mil clientes que utilizam cheque especial anteciparam o 13º Salário no Banco do Brasil. Em apenas um mês, foram R$ 177 milhões disponibilizados para liquidação ou amortização de dívidas de custo mais elevado.

Conforme informações do banco, é possível antecipar até 80% do valor do 13º e o pagamento é realizado em uma única vez, na data prevista para recebimento do crédito.

Conforme o diretor de empréstimos e financiamentos do Banco do Brasil, Edmar Casalatina, a antecipação do salário extra é uma alternativa importante no início do ano. "É um momento em que despesas extras impactam o orçamento de nossos clientes. O banco, que incentiva o uso do crédito com responsabilidade, esclarece que a linha não compromete o orçamento mensal com prestações e é uma alternativa para amortizar dívidas de custo maior, como o cheque especial, por exemplo", explica.

O desempenho da modalidade no banco demonstra a aderência do produto às necessidades de seus clientes. Em 2015, o desembolso total da linha BB Crédito 13º Salário atingiu a marca de R$ 2,3 bilhões, atendendo cerca de 2 milhões de clientes. Em dezembro, o valor foi de R$ 348 milhões, com crescimento de 13% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Neste ano, o Banco do Brasil alegou que não fechou algumas linhas de crédito, mas elas foram readequadas, devido a baixa procura. 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions