A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 28 de Setembro de 2016

25/03/2014 18:10

Com folha de R$ 276 milhões, INSS é o principal pagador em municípios de MS

Lidiane Kober

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) libera por mês cerca de R$ 276 milhões a 335.366 beneficiários de Mato Grosso do Sul e ocupa o posto de maior pagador na maioria dos 79 municípios do Estado.

Veja Mais
INSS prorroga prazo para “prova de vida” de aposentados e pensionistas
Segurado do INSS que não renovar senha pode ficar sem receber

Quinta no ranking das cidades que mais recebem o recurso, Ponta Porã, por exemplo, não tem maior fonte pagadora do que o INSS. No município, são 10.356 aposentados e pensionistas que partilham pouco mais de R$ 7,9 milhões.

“A folha é maior do que da prefeitura”, comentou o prefeito Ludimar Novais (PPS). Em média, a administração desembolsa R$ 6,7 milhões por mês para pagar os funcionários. “O principal pagador é o INSS, depois a prefeitura e o quartel”, completou.

Em Naviraí, a folha do INSS também superou a da prefeitura pelo menos no mês de fevereiro, quando a administração depositou R$ 4,5 milhões para pagar os salários. O INSS, por sua vez, prevê pagamento de mais de R$ 5,4 milhões, referentes ao benefício de março aos 7.278 dependentes.

Ranking - Com um terço da população do Estado, Campo Grande é o município com maior número de beneficiários e que mais recebe verba do INSS. Por mês, são despejados R$ 93,8 milhões a 100.010 pessoas.

Dourados é o vice-líder com repasse de R$ 23 milhões a 27.376 cidadãos. Depois, aparece Três Lagoas com verba de R$ 14,2 milhões a 15.255 dependentes. Corumbá tem 12.487 beneficiários, que partilham por mês em torno de R$ 10,3 milhões.

Aquidauana é a sexta cidade do ranking, com receita do INSS na ordem de R$ 6,9 milhões a 8.997 dependentes. Nova Andradina recebe R$ 6,7 milhões e registra 8.793 beneficiários. À Paranaíba, o instituto manda R$ 5,3 milhões a 6.973 pessoas. Décima da lista, Amambai recebe R$ 4 milhões e tem 5.687 cidadãos cadastrados.

Economia aquecida - Para os prefeitos, o salário dos aposentados e pensionistas é bem-vindo por aquecer a economia local. “Tudo o que entra no comércio ajuda o município a desenvolver, com maior arrecadação de impostos e geração de renda”, resumiu o prefeito de Naviraí, Léo Matos (PV).

Em Ponta Porã, o comércio também aquece nos dias de liberação do salário. “O pessoal sai de casa para receber o benefício, pagar contas e comprar”, destacou o prefeito.

 

INSS prorroga prazo para “prova de vida” de aposentados e pensionistas
O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) prorrogou para 31 de dezembro o prazo para que aposentados e pensionistas renovem a senha nos bancos em ...
Segurado do INSS que não renovar senha pode ficar sem receber
Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) devem procurar a agência bancária onde recebem o benefício para comprovar que estão vivos ...
Governo corrige em 5,56%¨valor do benefício do INSS acima do minimo
O índice de reajuste para os benefícios do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) com valor acima do salário mínimo será de 5,56%, a partir de pr...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions