A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 30 de Setembro de 2016

03/09/2014 17:42

Concessionárias apelam a promoção e carta para elevar vendas

Priscilla Peres
 Em Campo Grande, as vantagens vão desde descontos no preço final até as vendas on-line.(Foto: Marcelo Calazans) Em Campo Grande, as vantagens vão desde descontos no preço final até as vendas on-line.(Foto: Marcelo Calazans)

Em época de quedas constantes nas vendas de veículos novos e férias coletivas nas montadoras, as concessionárias estão adotando estratégias para minimizar os impactos enquanto a crise no setor não termina. Em Campo Grande, as vantagens vão desde descontos no preço final até as vendas on-line.

Veja Mais
Venda de carros despenca e juro alto é apontado como um dos culpados
Após duas quedas seguidas, dólar tem alta de 1,05% e fecha a R$ 3,25

Desde o início do ano, quando as bruscas baixas na comercialização começaram, várias medidas foram adotadas pelas empresas e pelo próprio Governo Federal para alavancar as vendas. Incentivos ao crédito, redução de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), estímulo de financiamento e até mega promoções foram usadas.

A revendedora Volkswagen em Campo Grande, a Autobel, decidiu mudar as estratégias e afirma estar tendo retornos positivos. "Há três meses começamos uma campanha focada em quem compra pela internet e na nossa carteira de clientes", conta a gerente de vendas, Hamanda Rocha. Segundo ela o fluxo de cliente espontâneos não é mais esperado e agora os vendedores que correm atrás dos clientes.

Na Perkal, revendedora Chevrolet, o gerente de vendas, Carlos Villamayor explica que foram tomadas medidas preventivas e em uma decisão da fábrica, no mês passado todo o segmento de veículos foi vendido sem cobrança de IPI, além disso os bancos ofertaram taxa zero ou reduzida dependendo do caso. "Todos os meses temos algum diferencial e algo que ajuda muito são as indicações de clientes por parte dos bancos, que geralmente ja chegam aqui com crédito pré-aprovado", diz.

O gerente vendas da Fiat Enzo, Amilton Barroso, afirma que os acordos com bancos para a aprovação de crédito e os preços praticados abaixo da tabela nacional são as estratégias. "As vendas diminuíram, mas com algumas ações e campanhas publicitárias na mídia, estamos conseguindo ter resultados melhores".

Crédito - Nesta semana, o Banco do Brasil anunciou a redução de taxas de juros para financiamento de veículos. Serão oferecidas taxas promocionais a partir de 0,97% ao mês para financiar veículos novos e 1,18% ao mês para veículos usados, com prazo de até 60 meses.

A linha de crédito está disponível aos correntistas do BB, e oferece financiamento de até 100% do valor do veículo, até 180 dias de carência, possibilidade de escolher até 2 meses por ano sem cobrança da prestação mensal e não há cobrança de tarifas na operação.

Vendas - A Fenabrave (Federação Nacional das Distribuidoras de Veículos Automotores) revisou hoje os números da venda de veículos em agosto, divulgados ontem. De acordo com a entidade, por uma falha no sistema, o número de automóveis e comerciais leves emplacados em Mato Grosso do Sul no mês passado caiu 17,85% em relação a julho e 22,63% comparado a agosto de 2013.

No acumulado do ano, o setor acumula perda de 11% em relação aos oito primeiros meses do ano passado.

Após duas quedas seguidas, dólar tem alta de 1,05% e fecha a R$ 3,25
Cotado a R$ 3,256 na venda, após dois dias seguidos de baixa, o dólar comercial fechou esta quinta-feira (29) com alta de 1,05%. Com isso, a moeda no...
Índice sobe 6% e Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas
Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas, sendo que 13% não terão condições de pagar suas contas. O índice medido pelo IPF/MS (Instituto de Pesqu...
MS vai receber missão técnica do Chile em frigoríficos de carne bovina
Inspeções federais de outros país no Brasil pode abrir novos mercados para exportação. Chile, Cuba e Bolívia já tem data marcada para suas missões e ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions