A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 27 de Setembro de 2016

18/11/2015 23:58

Delcídio defende aprovação de teto da dívida em reunião da CAE com Levy

Flávio Paes
Joaquim Levy (ao lado de Delcidio) esteve na Comissão de Assuntos Econômicos (Foto:Divulgação)Joaquim Levy (ao lado de Delcidio) esteve na Comissão de Assuntos Econômicos (Foto:Divulgação)

O presidente da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado, Delcídio do Amaral (PT/MS) ,defende a aprovação do Projeto de Resolução 84/207 l porque ajudará o governo a racionalizar seus gastos. Durante audiência pública com a participação do ministro da Fazenda , Joaquim Levy. Delcidio mostrou-se convencido de que a fixação de um teto para o dívida ajudará a colocar o país , de novo, na rota do desenvolvimento.

Veja Mais
Refrigerante de erva mate e palestra foram novidades em feira de negócios
Em queda de 0,5%, dólar comercial fecha cotado a R$ 3,23 nesta terça-feira

“Fizemos um grande debate na busca de alternativas para estabelecer, em definitivo, o teto da dívida líquida e o teto da dívida bruta da União. Isso é importante porque sinaliza para a contenção de despesas e para que o governo , efetivamente, racionalize seus gastos. Quem ganha com isso, mais do que nunca, é o Brasil “, avaliou o senador no final da audiência.

“A economia tem tudo para crescer a partir do momento em que o Congresso, usando de sua autoridade, estabeleça limites para que a dívida da União não cresça, uma vez que os estados e municípios já obedecem a essas determinações estabelecidas pela própria União, quando enviou o projeto. Nós estaremos consolidando uma posição consistente, que garantirá estabilidade econômica e crescimento para o Brasil”, afirmou o senador.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions