A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 27 de Setembro de 2016

31/07/2014 19:29

Enersul testa sistema para coibir "gatos" e evitar oscilação de energia

Luciana Brazil, Kleber Clajus e Filipe Prado
O sistema irá coibir os gatos e reduzir oscilações de energia (Foto: Marcelo Calazans)O sistema irá coibir os "gatos" e reduzir oscilações de energia (Foto: Marcelo Calazans)

A Enersul (Empresa de Energia Elétrica de Mato Grosso do Sul) instalou na manhã de hoje (31), no conjunto habitacional José Teruel Filho, em Campo Grande, um sistema eletrônico que pretende coibir ligações clandestinas na rede elétrica, o “gato”, além de reduzir episódios de oscilação de energia. O sistema é o primeiro a ser instalado na Capital, mas no Estado a tecnologia esta presente em um distrito de Bonito, a 257 quilômetros da Capital.

Veja Mais
Negociação pode por fim a greve dos bancários que completa 22 dias hoje
Feira de negócios começa hoje na Capital, e velejador Lars Grael fará palestra

De acordo com a analista de recuperação de energia da empresa, Denise Simões, a mudança foi implantada com base no aumento do número de reclamações por oscilação de energia e queima de eletrônicos na região. Um evento no dia 19 de julho informou aos moradores sobre a implantação do novo sistema em operação.

Para Iaria Cristina dos Santos, 27 anos, o novo sistema irá melhorar o fornecimento de energia elétrica e evitar inadimplências. “Vai ficar justo, porque muita gente usa gato e a energia pode até ficar mais barata por isso”, acreditou. Ela mora com nove pessoas e tem um gasto médio mensal de R$ 120.

Morando há oito anos na região, o pedreiro Adilson tavares, 49, nunca teve coragem de fazer um “gato” e imaginou que o valor da conta ficará mais barato com a instalação do sistema. “Acho que a conta de energia era mais pesada por causa disso”, constatou.

Com o sistema, outra mudança será o corte de energia em caso de não pagamento da fatura. A empresa não precisará enviar uma unidade de atendimento até o local para fazer o corte e isso valerá também para a religação, tudo será feito de dentro da empresa.

“É uma melhoria na rede de distribuição, associada a um trabalho voltado ao uso consciente da energia. Vamos avaliar a tecnologia em operação para, então, disseminar nos outros bairros”, explicou Denise.

O campeiro Rogério da Costa, 33, ainda tem dúvidas em relação ao novo sistema instalado. Ele disse quem em três meses vai “saber se houve aumento ou não na tarifa”, assegurou.

 

 




Poderiam usar um sistema para evitar a oscilação de ENERGIA também...

Se esse dispositivo for à prova de "gatos", tem gente por aqui que vai se dar mal e passar a pagar a conta integral de seu consumo. ;)
 
Rodney OSilva em 01/08/2014 08:27:01
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions