A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Setembro de 2016

11/05/2015 13:45

Mercado financeiro prevê inflação de 8,29% para 2015

Mariana Branco, da Agência Brasil

A inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deve terminar 2015 em 8,29%, na avaliação de analistas e investidores do mercado financeiro. A estimativa está no boletim Focus, pesquisa semanal com instituições financeiras divulgada hoje (11) pelo Banco Central (BC).

Veja Mais
Inflação oficial recua 0,61 ponto percentual em abril
Inflação sobe menos em abril, mas alimentação e energia pesam no bolso

A projeção para o IPCA variou 0,03 ponto percentual em comparação à taxa de 8,26% da semana anterior. Para os preços administrados – que são os regulados pelo governo ou contrato, como o da gasolina e energia – é prevista alta de 13,2%, acima da projeção de 13,06% da semana anterior. Para 2016, analistas reduziram a previsão do IPCA de 5,6% para 5,51%.

O IPCA, calculado pelo Institudo Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mede a inflação de produtos e serviços comercializados no varejo, referentes ao consumo pessoal das famílias, com rendimento de um a 40 salários mínimos. Desde junho de 1999, o IPCA é o índice usado pelo Banco Central para o acompanhamento dos objetivos estabelecidos no sistema de metas de inflação.

A pesquisa prevê ainda para este ano atividade econômica ligeiramente mais retraída do que na pesquisa anterior. Os analistas mudaram a projeção para o Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e riquezas produzidos em um país), de queda de 1,18% para retração de 1,2%. A projeção de queda especificamente para a produção industrial foi mantida em 2,5%.

A estimativa para o câmbio ao fim de 2015 permaneceu em R$ 3,20. A previsão de fechamento da Selic, taxa básica de juros da economia, também continua igual, em 13,5% ao ano. Atualmente, a Selic está em 13,25% ao ano.

A estimativa da dívida líquida do setor público ficou em 37,95% do PIB. A projeção do déficit em conta-corrente, que mede a qualidade das contas externas, elevou-se de US$ 78,5 bilhões para US$ 80 bilhões. O saldo projetado para a balança comercial passou de US$ 4,02 bilhões para US$ 3 bilhões. Os investimentos estrangeiros estimados subiram de US$ 57,5 bilhões para US$ 59 bilhões.

Inflação oficial recua 0,61 ponto percentual em abril
A inflação oficial do país, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), apresentou variação de 0,71%, registrando desaceleração...
Inflação sobe menos em abril, mas alimentação e energia pesam no bolso
O preço dos alimentos e o reajuste da energia elétrica pesaram na inflação de Campo Grande, em abril. Segundo dados do IPCA (Índice Nacional de Preço...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions