A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 01 de Outubro de 2016

01/04/2015 11:53

MSGÁS ganha com falta de água e lucro cresce 241% com termelétricas

Priscilla Peres
A MSGÁS atende a 2.987 unidades consumidoras em todo o Estado. (Foto: Divulgação MSGÁS)A MSGÁS atende a 2.987 unidades consumidoras em todo o Estado. (Foto: Divulgação MSGÁS)

A crise hídrica que atingiu o país no ano passado obrigou o acionamento das termelétricas, para garantir a geração de energia no país. Com isso, o faturamento da MSGÁS (Companhia de Gás Natural de MS) responsável por fornecer gás para as usinas, subiu quase 80% em 2014, chegando a R$ 310 milhões.

Veja Mais
Agência aprova reajuste do preço do gás natural aplicado pela MSGÁS
MSGÁS assina contrato para ramal de R$ 33 milhões exclusivo de fábrica

Conforme relatório de administração divulgado hoje, o faturamento anual da companhia que era de R$ 118 milhões em 2012, passou para R$ 172 milhões em 2013 e deu um salto gigantesco em 2014, chegando a R$ 310 milhões. Isso acontece porque a MSGÁS é responsável por abastecer com gás natural as duas termelétricas do Estado.

A receita de vendas das térmicas representou 58% total do ano e e fez com que o lucro líquido da companhia tivesse crescimento de 241,46%, quando comparado a 2013. Isso significa que a sobra do faturamento foi de R$ 5,098 milhões no ano passado, frente a R$ 1,493 milhão em 2013.

Desde 2008 a MSGÁS reverte todo o lucro líquido para o prejuízo acumulado, que na época somava R$ 36,892 milhões. No ano passado, os R$ 5 milhões foram amortizados da dívida, que caiu de R$ 8,4 milhões para R$ 3,3 milhões.

Clientes - O número de unidades usuárias atendidas pela MSGÁS chegou a 2.987, crescimento 17,51% no ano. Desses, 2.826 são clientes residenciais e o destaque foi para o início de fornecimento para 204 unidades residenciais e comerciais de Três Lagoas. O número de indústrias, cogeração, GNV (Gás Natural Veicular) e termelétricas, se manteve estável.

Com toda a demanda das termelétricas, o consumo de gás natural subiu para 922.082 mil m³, o que significa acréscimo de 34,20% quando comparado a 2013. Conforme o relatório, o crescimento é resultado da diminuição da geração hídrica em virtude do baixo índice pluviométrico, ou seja, pouca chuva que secou os reservatórios.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions