A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Setembro de 2016

30/11/2015 17:56

Na ressaca da Black Friday, lojistas aproveitam para repor estoques

Renata Volpe Haddad
Vendas durante Black Friday foram boas e comerciantes estão aproveitando para renovar e repor os estoques. (Foto: Marcos Ermínio)Vendas durante Black Friday foram boas e comerciantes estão aproveitando para renovar e repor os estoques. (Foto: Marcos Ermínio)

Os comerciantes do centro de Campo Grande estão comemorando as boas vendas durante a Black Friday e aproveitando para renovar e repor os estoques. A última sexta-feira (27) foi tão proveitosa que teve loja que vendeu 80% a mais do que o esperado.

Veja Mais
Mesmo com Black Friday, consumidores pesquisam antes de comprar
Nyx participa da Black Friday com produtos a partir de R$ 9,90

Esse é o caso da loja Uzze. De acordo com a gerente Suzi Melo Jesus, a Black Friday ajudou a recuperar o caixa da loja e renovar os estoques. "Fizemos uma promoção de 50% de desconto e isso foi maravilhoso, estamos sem variedades de roupas de tanto que vendemos", comenta.

Ainda segundo a gerente, a meta no dia era alcançar 50% das vendas em relação a 2014. "Nós superamos e vendemos 80% a mais, acho que muita gente aproveitou para renovar o guarda-roupa", afirma.

Outra loja de roupas que também faturou com as vendas durante a Black Friday, foi a Dotz. Conforme a gerente Gleici Keli da Silva Brandão, o movimento foi bom para recuperar os meses anteriores. "O movimento foi intenso durante toda a sexta-feira e superou nossas expectativas para o dia", explica.

Na Boomerang, os descontos de 20% em todas as roupas da loja atraiu muitos consumidores, segundo a gerente Maria Izabel e o movimento também está aquecido nesta segunda-feira. "Nós começamos a Black Friday um dia antes para ser diferente e vimos que deu muito resultado. As vendas se recuperaram e são um ânimo a mais para o Natal, tanto é que por conta do 13º salário, a loja está bem movimentada hoje, o que não é comum para uma segunda-feira", alega.

Já na loja Passaleti, as vendas durante a Black Friday não superou as expectativas e a queda foi de 15% em relação ao ano passado. Segundo o supervisor regional Miguel Angelo Domingos, foi criada uma expctativa muito grande no segundo semestre deste ano. "Com isso, esperávamos que as vendas fossem comparadas a de 2014, porém, tivemos queda de 15%", afirma. 

Na Black Friday, as lojas Americanas estavam lotadas com promoções a partir de R$ 0,99. (Foto: Renata Volpe Haddad)Na Black Friday, as lojas Americanas estavam lotadas com promoções a partir de R$ 0,99. (Foto: Renata Volpe Haddad)

Nas lojas Americanas, as promoções da Black Friday acabaram com alguns estoques das loja. Porém, nesta segunda-feira, os produtos que eram encontrados por R$ 0,99 e R$ 1,99 não tem ou já voltaram ao preço normal.
O tablete de chocolate da Lacta que estava sendo vendido por R$ 2,99 na sexta-feira, hoje está custando R$ 5,99.

Na Badulaque Acessórios, as promoções começavam com brincos a partir de R$ 10 e o movimento foi intenso durante toda a sexta-feira. Hoje, sobraram poucas peças da promoção e as vendedoras estavam organizando os estoques. 

As vendas também foram boas na City Lar e segundo um vendedor da loja, na Black Friday foram vendidos mais de R$ 200 mil. "Em um dia vendemos mais que o ano todo, os vendedores nem tiveram tempo para almoçar", comentou.

Consumidores - Não foram apenas as lojas que lucraram com o movimento. Os consumidores aproveitaram o momento para comprar durante a promoção. A esteticista Dayane Alves, 24, conta que mora em Araçatuba, veio visitar a mãe e aproveitou a Black Friday. "Eu notei que tinham muitas coisas em promoção e aproveitei para comprar umas roupas que custavam mais caras e que eu vi que estavam bem mais em conta", comenta.

A dona de casa Aline de Araújo Silva, 23, diz que foi ao Camelódromo comprar uma boneca para a filha e que se assustou com o preço. "Eu pesquisei antes para saber onde estava mais barato e no camelô estava R$ 100 e aqui na Americanas estava por R$ 49,90", conta.

Consumidores também aproveitaram as promoções para adquirir produtos em promoção. (Foto: Marcos Ermínio)Consumidores também aproveitaram as promoções para adquirir produtos em promoção. (Foto: Marcos Ermínio)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions