A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

04/09/2014 12:16

Preço da cesta básica cai pela quarta vez e fica 1,8% menor em agosto

Caroline Maldonado
Carne e pão são os itens mais caros da cesta (Foto: Marcelo Victor)Carne e pão são os itens mais caros da cesta (Foto: Marcelo Victor)

O preço da cesta básica individual em Campo Grande caiu 1,8% e está em R$ 288,28, o que representa redução de R$ 5,27 em relação ao mês de agosto, quando a cesta apresentou custo de R$ 293,55. Os dados são de pesquisa divulgada, hoje (4), pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos).

Veja Mais
MS vai receber missão técnica do Chile em frigoríficos de carne bovina
Gol lança ofertas semanais de passagens aéreas

Essa é a quarta queda consecutiva no preço da cesta, depois de uma alta em março em que o valor aumentou 12,8%. Com a redução, o valor da cesta na Capital continua sendo o 12º entre as cidades incluídas no levantamento.

Na avaliação do Dieese, quem ganha salário mínimo precisar usar 43,28% da renda para conseguir custear os itens básicos da mesa do trabalhador. Em julho, esse percentual era de 44,07% e em junho de 46,40%. Em tempo de trabalho, isso significa 87 horas e 36 minutos.

A cesta básica mais cara do último levantamento é de Florianópolis, em Santa Catarina, onde houve queda de 1,84% no preço, que ficou em R$ 340,62. A segunda cidade da lista é São Paulo, que reduziu o preço em 2,21%, deixando o valor em R$ 337,80.

Os itens da cesta básica individual são carne bovina, leite, feijão, arroz, farinha de trigo, batata, tomate, pão francês, café em pó, banana nanica, açúcar, óleo de soja e manteiga. O custo maior é com a carne, que leva R$ 105,34 e o pão, que requer R$ 46,08 por mês.

MS vai receber missão técnica do Chile em frigoríficos de carne bovina
Inspeções federais de outros país no Brasil pode abrir novos mercados para exportação. Chile, Cuba e Bolívia já tem data marcada para suas missões e ...
Gol lança ofertas semanais de passagens aéreas
Para atrair novos passageiros e fidelizar seus clientes, as companhias aéreas garantem preços e condições de pagamento especiais. Cada empresa define...
Mais de 6 mil consumidores saíram da lista de inadimplentes em agosto
Em agosto, 6.144 contribuintes de Campo Grande saíram do cadastro de inadimplentes. O número é 38,5% maior que o de julho, quando 4,4 mil pessoas rec...
Prefeitos vão a Brasília para cobrar liberação de R$ 13 mi em recursos
O repasse do FEX (Fundo de Auxílio aos Estados e Municípios Exportadores) ainda não foi feito em 2016 pelo Governo Federal e as prefeituras de Mato G...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions