A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 24 de Setembro de 2016

05/08/2014 08:12

Prefeitura ameaça excluir do Simples 5 mil contribuintes em Campo Grande

Priscilla Peres
O secretário Ricardo Vieira, de Receita. (Foto: Simão Nogueira)O secretário Ricardo Vieira, de Receita. (Foto: Simão Nogueira)

A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Semre (Secretaria Municipal de Receita), vai excluir do Simples Nacional todos os contribuintes que estiverem inadimplentes com o ISSQN (Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza). A medida vai afetar cerca de 5 mil contribuintes, dos 14 mil optantes do programa, em Campo Grande. Isso significa que 35% dos contribuintes enquadrados no Simples correm risco.

Veja Mais
Prefeitura arrecada em julho R$ 10 mi com mutirão de impostos, diz secretário
Greve dos bancários chega ao 19º dia com 144 agências sem atendimento

O secretário de Receita, Ricardo Vieira Dias, explica que a ação vai começar imediatamente, com a análise dos contribuintes cadastrados. "Com o PPI (Programa de Pagamento Incentivado) tivemos acesso a informações de muitas empresas e agora vamos analisá-las e tomar providências em relação aos inadimplentes", diz.

Quem estiver com o imposto em atraso ou com o cadastro desatualizado precisa procurar a Receita Federal ou a prefeitura municipal. "Desses 5 mil, pode ser que nem todos tenhas débitos, pois pode haver problema de cadastro, por isso é importante que todos os optantes do Simples procurem um dos órgãos", destaca o secretário.

A medida faz parte de uma série de ações tomadas pela Receita este ano, para diminuir a dívida municipal e aumentar arrecadação, porém o titular da pasta afirma que essa medida visa "estimular a adimplência, para que todos estejam devidamente formalizados".

Com a análise de dados, a prefeitura irá enviar um pedido de exclusão do programa, aqueles que estiverem inadimplentes, em seguida essas pessoas vão receber carta comunicando do desenquadramento do Simples.

FCO amplia acesso para empresas que faturam até R$ 16 milhões por ano
Foi aprovado nesta semana pelo Ceif (Conselho Estadual de Investimentos Financiáveis) do FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) ...
Dólar comercial fecha a semana em queda e cotado a R$ 3,24
Após duas altas seguidas do dólar comercial durante a semana, a moeda norte-americana fechou nesta sexta-feira (23) cotado a R$ 3,247 na venda e com ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions