A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 30 de Setembro de 2016

15/10/2014 17:56

Prefeitura decide até sexta-feira sobre o valor de reajuste do IPTU

Priscilla Peres
Secretário de Finanças, André Scaff diz que valor está sendo definido, mas não será muito alto. (Fotos: Marcelo Victor)Secretário de Finanças, André Scaff diz que valor está sendo definido, mas não será muito alto. (Fotos: Marcelo Victor)

A Prefeitura de Campo Grande decide até sexta-feira (17) o valor de reajuste do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) para 2015. O projeto com o percentual de aumento e o pedido de antecipação do vencimento da primeira parcela para janeiro, com desconto de 25%, será entregue segunda-feira (20) à Câmara de Vereadores.

Veja Mais
Intenção de compra cai, mas dia das crianças pode movimentar R$ 146 mi
Bandeira tarifária de outubro é verde, sem valor adicional nas contas de luz

De acordo com o secretário André Scaff, titular da Seplanfic (Secretaria Municipal de Planejamento, Finanças e Controle), afirma que os estudos para o reajuste do IPTU é feito em cima de índices que medem a valorização territorial e o valor de aumento é definido em reunião com o prefeito Gilmar Olarte (PP).

"Estamos fazendo todos os esforços para enviar o projeto para à Câmara até segunda e nesse fim de semana fechamos os índices com o prefeito. Acredito que até o dia 1° de dezembro os carnês comecem a ser enviados aos contribuintes", explica o secretário, mas adianta que o reajuste não será "nada de extraordinário".

De acordo com o secretário, o projeto está em estudo e será encaminhado para a Câmara Municipal para aprovação e prevê descontos de 25% para quem pagar o imposto até o dia 5 de janeiro. Se esse contribuinte somar 4 anos de imposto em dia, ganha mais um bônus de 10%, conforme lei em vigor.

Os carnês vão começar a ser entregues em 1° de dezembro e o desconto vai diminuir com o tempo. Normalmente os boletos do IPTU vencem em fevereiro. Além disso, o contribuinte que escolher o parcelamento, e paga em dia, é beneficiado com mais 10% de desconto. A receita é estimada em R$ 120 milhões, pouco mais que o valor de uma folha de pagamento e a antecipação é uma forma de tentar colocar as contas da prefeitura em dia.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions