A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

18/11/2014 19:45

Sistema permite que cliente tenha acesso on-line à vida financeira

Marta Ferreira
Sistema pode ser acessado por quem acessa a conta bancária pelo Internet Banking.  (Foto: Reprodução/Internet)Sistema pode ser acessado por quem acessa a conta bancária pelo Internet Banking. (Foto: Reprodução/Internet)

Os bancos têm até 18 de dezembro para disponibilizar na área do cliente em seus sites o sistema que permite acesso, no Banco Central, a relatórios sobre a vida bancária. O prazo faz parte da implantação do Registrato, ferramenta que começou a operar ontem, como forma de facilitar o acesso dos brasileiros a dados sobre a relação com as instituições financeiras. A consulta já era possível, mas apenas presencialmente ou por por correspondência, e agora poderá ser feita pela internet.

Veja Mais
Após duas quedas seguidas, dólar tem alta de 1,05% e fecha a R$ 3,25
Índice sobe 6% e Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas

A novidade facilita principalmente a vida de clientes de estados como Mato Grosso do Sul, que não tem unidade do BC, presentes em apenas dez cidades do País. Por enquanto, segundo a Febraban (Federação Brasileira de Bancos), 15 bancos oferecem o sistema. A entidade não divulga a listagem, mas diz que são as maiores instituições, responsáveis por 90% do mercado.

Embora o Registrato seja acessado no Banco Central, o cliente precisa do Internet Banking de sua instituição para validar a senha de entrada no sistema. Este não é o único caminho para obter os relatórios disponibilizados, mas é o que o Banco Central acredita que será mais popular entre os clientes, como afirmou ao Campo Grande News o chefe do departamento de atendimento institucional do Banco Central, Carlos Eduardo Gomes.

Também é possível ter acesso às informações on-line para quem tem o E-CPF, documento digital emitido pela Receita Federal, ou ainda por meio de senha obtida presencialmente nos locais onde há unidades do BC. Fora isso, é preciso usar o caminho da validação por meio dos sites das instituições bancárias.

O que dá para saber ?- Parte das ações da Área de Relacionamento Institucional e Cidadania do Banco Central, o sistema em operação é, segundo Carlos Eduardo Gomes, uma forma de facilitar o acesso do cliente bancário a informações sobre sua vida financeira, no que chamou de “movimento em direção ao cidadão” da instituição que regula o sistema financeiro do País. Por meio do Registrato, é possível obter dois relatórios: um que informa onde a pessoa tem contas abertas e outro com todas as dívidas que ela tem com os bancos, incluindo cartão de crédito. Esse relatório será mensal.

Uma das utilidades apontadas é saber, por exemplo, se a pessoa tem alguma conta ativa que não se lembre, o que pode evitar, por exemplo, pagamento de taxas. Em relação às informações de crédito, é uma forma que pode ser usada para controle das finanças.

O sistema é uma ferramenta que, na avaliação da Febraban, “promoverá significativas melhorias na transparência e no relacionamento com o público”.

A necessidade de acesso ao Internet Banking foi a forma encontrada para confirmação da identidade do cliente, já a ferramenta usada pelas instituições já faz isso. “É uma medida de segurança”, explica o represente do Banco Central.

Como fazer – O sistema está disponível no site do Banco Central (http://www.bcb.gov.br/?REGISTRATO), e possibilita recebe relatórios com dados disponíveis no SCR (Sistema de Informações de Crédito) e no CCS (Cadastro de Clientes do Sistema Financeiro Nacional).

O sistema armazena informações de operações de crédito a vencer e vencidas, de valores igual ou superior a R$ 1.000,00, além de dados de fianças contabilizados nos balancetes mensais. Tais dados são consolidados num relatório contábil, que será disponibilizado ao cliente. Esse relatório conterá um histórico de até 60 meses e trará avisos para explicar alguns conceitos para os clientes.

Após duas quedas seguidas, dólar tem alta de 1,05% e fecha a R$ 3,25
Cotado a R$ 3,256 na venda, após dois dias seguidos de baixa, o dólar comercial fechou esta quinta-feira (29) com alta de 1,05%. Com isso, a moeda no...
Índice sobe 6% e Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas
Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas, sendo que 13% não terão condições de pagar suas contas. O índice medido pelo IPF/MS (Instituto de Pesqu...
MS vai receber missão técnica do Chile em frigoríficos de carne bovina
Inspeções federais de outros país no Brasil pode abrir novos mercados para exportação. Chile, Cuba e Bolívia já tem data marcada para suas missões e ...
Gol lança ofertas semanais de passagens aéreas
Para atrair novos passageiros e fidelizar seus clientes, as companhias aéreas garantem preços e condições de pagamento especiais. Cada empresa define...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions